PARA 94% DOS OBSTETRAS E GINECOLOGISTAS, PLANO ATRAPALHA CONDUTA MÉDICA

//PARA 94% DOS OBSTETRAS E GINECOLOGISTAS, PLANO ATRAPALHA CONDUTA MÉDICA

A maioria dos ginecologistas e obstetras do estado de São Paulo, 94%, afirmou que o plano de saúde interfere na autonomia do médico. De acordo com a Folha de S.Paulo, foi realizado um levantamento da Associação de Obstetrícia e Ginecologia do Estado de São Paulo (Sogesp), pelo Datafolha e divulgado nesta quinta-feira (5). Para a presidente da Sogesp e professora da Faculdade de Medicina da USP, Rossana Pulcineli Francisco, o resultado da pesquisa é preocupante. A pesquisa entrevistou 604 ginecologistas e obstetras, por telefone, entre 24 de maio e 14 de junho de 2018. Entre os entrevistados, 78% dizem que o não pagamento, por parte do plano, de procedimentos já realizados é uma das maiores interferências. Na pesquisa, 61% dos médicos também relataram restrições a internação de pacientes, e 57%, interferências no tempo de internação. Há ainda, para 65%, uma pressão para indicar a rede conveniada para realizar procedimentos. “Dois terços dos médicos consideraram a qualidade dos serviços das operadoras como regular, ruim ou péssima”, destaca a notícia.

 

Instituto do consumidor rompe com ANS após regra de plano de saúde



O Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec) deixou o posto que ocupava na Câmara de Saúde Suplementar da ANS, reguladora dos planos de saúde no país. A carta que comunica o desligamento foi enviada nesta quarta-feira (4), seis dias após a agência publicar as novas regras para a coparticipação e franquia em planos de saúde. É o que informa a Folha de S.Paulo. A medida, que visa desestimular o uso desnecessário dos serviços de saúde pelos pacientes e assim reduzir os custos das operadoras, é contestada pelo Idec. “Quem contrata esse tipo de serviço deixa de usar o plano de saúde. O custo mensal pode ser o dobro. Os que já pagam a mensalidade no limite acabam se endividando. Ainda mais os idosos que têm maior demanda por serviço de saúde”, afirma Igor Britto, advogado do Idec. Segundo ele, a aprovação das novas regras sem acolher nenhuma proposta dos órgãos de defesa do consumidor foi a gota d’água na relação. De acordo com Britto, desde 2009, a falta de transparência nos cálculos de reajuste aplicados nos planos de saúde já havia feito o instituto entrar com processo contra a reguladora. “A ANS diz que agora irá pedir à Secretaria Nacional do Consumidor uma nova indicação para compor o grupo”, afirma a Folha.

 

Sob queixas, Ministério anuncia meta de eliminar hepatite C até 2030



Em meio às queixas de associações sobre falta de medicamentos para atender novos pacientes, o Ministério da Saúde anunciou nesta quinta-feira (5), o lançamento de um plano para eliminar a hepatite C até 2030. Segundo o Estado de S.Paulo, a estratégia prevê a redução das etapas para o diagnóstico da doença e a ampliação da testagem em grupos considerados prioritários. A previsão é atender 50 mil pacientes por ano até 2024 a partir do ano que vem. A diretora do Departamento de IST, HIV/aids e Hepatites Virais do Ministério da Saúde, Adele Benzaken, atribui a mudança do cronograma e a redução das metas para este ano ao atraso na publicação de um documento que seria indispensável para o início do processo de compras, o Protocolo Clínico de Diretrizes Terapêuticas. Adele afirma que uma compra de 8 mil tratamentos foi feita para atender à demanda imediata e que os medicamentos deverão ser entregues em um prazo de um mês. “Ela assegura, ainda, que um processo de compra para 50 mil tratamentos será iniciado em breve”, informa a matéria.

 

88% das cidades descumprem frota adaptada para deficientes, diz IBGE



Folha de S.Paulo destacou que menos da metade das cidades brasileiras tinha frota de ônibus adaptadas para deficientes em 2017, divulgou o IBGE nesta quinta-feira (5). A constatação faz parte da pesquisa Perfil dos Municípios Brasileiros (Munic), que investiga características municipais com dados fornecidos por integrantes do poder público em todas as 5.570 cidades do país. Segundo o levantamento, que pela primeira vez avaliou a oferta de ônibus adaptados para deficientes, 39,4% das cidades tinham frotas sem qualquer tipo de adaptação. Apenas 11,7% das cidades brasileiras tinham frotas totalmente adaptadas.  A adaptação dos coletivos como forma de garantir acesso das pessoas com deficiência ao transporte público está prevista na Constituição Federal de 1988. Posteriormente, em 2004, o governo publicou decreto que regulamenta a prática e determinava que no prazo de 120 meses todas as cidades tinham que ter frotas 100% acessíveis. O prazo para a adoção dos sistemas se encerrou em dezembro de 2014, sem, contudo, todas as cidades cumprirem o estabelecido. “Somadas as parcelas de cidades sem qualquer tipo de adaptações e aquelas com adaptação parcial, o percentual de municípios que descumprem as normas federais chega a 88,3%”, ressalta a nota.

 

SAÚDE NA IMPRENSA

Ministério da Saúde – Ministério da Saúde anuncia boletim e metas para eliminação da hepatite C

 

Ministério da Saúde – Assistência à saúde de SP ganha R$ 7 milhões

 

Ministério da Saúde – Saúde lança plano para eliminar hepatite C

 

Ministério da Saúde – Ministro da Saúde anuncia novos recursos para Bahia

 

ANS – Consulta Pública visa aprimorar monitoramento econômico-financeiro das operadoras

 

ANS – ANS divulga números do setor relativos a maio

 

ANS – ANS divulga dados de fiscalização relativos ao 1º trimestre de 2018

 

ANS – Publicação atualiza informações sobre preços de planos de saúde

 

ANS – Nota da ANS

 

ANS – Audiência pública sobre reajuste de planos de saúde

 

Conitec – Protocolo Clínico de epilepsia é revisado

 

SUS Conecta – CNS e CGU promovem seminário sobre controle social e financiamento no SUS

 

SUS Conecta – EAD para graduação na área de saúde já totaliza 690 mil vagas

 

Fiocruz – Pesquisadores da Fiocruz descrevem nova espécie de parasito

 

Anvisa – Confira a 5ª Edição do Relatório de Denúncias em Serviços de Interesse para a Saúde

 

ALESP – Carreta Mulheres de Peito chega a São Carlos

 

Câmara dos Deputados – Comissão rejeita identificação de deficiência em declaração de nascido vivo

 

Câmara dos Deputados – Comissão aprova exigência de que hotéis adaptem 10% dos quartos para pessoas com deficiência

 

Câmara dos Deputados – Comissão aprova determinação de que produção de livros em braile siga normas técnicas

 

Câmara dos Deputados – Iluminação verde no Congresso Nacional alerta para prevenção do câncer de cabeça e pescoço

 

Senado Federal – Portador de doença incapacitante poderá ter direito a aposentadoria sem carência

 

Estado de S.Paulo – Governo cancela R$ 9,6 bilhões em benefícios irregulares

 

Estado de S.Paulo – Manaus confirma morte de bebê de sete meses por sarampo

 

Estado de S.Paulo – Sob queixas, Ministério anuncia meta de eliminar hepatite C até 2030

 

Estado de S.Paulo – Jovem com sarampo enfrenta diagnóstico falho e isolamento

 

Estado de S.Paulo – Hospitais de São Paulo desenvolvem ações informativas sobre o sarampo

 

Folha de S.Paulo – Alok doa R$ 100 mil para hospitais nacionais de câncer infantil

 

Folha de S.Paulo – Mães com estilo de vida não saudável têm maiores chances de filhos obesos

 

Folha de S.Paulo – Para 94% dos obstetras e ginecologistas, plano atrapalha conduta médica

 

Folha de S.Paulo – 88% das cidades descumprem frota adaptada para deficientes, diz IBGE

 

Folha de S.Paulo – Instituto do consumidor rompe com ANS após regra de plano de saúde

 

G1 – 86% dos medicamentos genéricos atendem a todas as exigências para comercialização, diz Anvisa

 

G1 – Vírus da zika se espalha mais pelo corpo que o da dengue? Estudo diz que sim

 

G1 – Casos de hepatite A crescem 73% no Brasil puxados por alta em SP

 

G1 – Exames médicos são cancelados em dias de jogos: ‘Ouvi os funcionários do laboratório torcendo’

 

G1 – O que a magreza de Audrey Hepburn tem a ver com a pesquisa sobre nutrição infantil na Holanda

 

G1 – Bicicleta e comida saudável fazem das crianças holandesas as menos obesas entre os países ricos

 

G1 – Epidemia de chikungunya leva Prefeitura de Campos dos Goytacazes, RJ, a decretar situação de emergência

 

O Globo – Senado faz audiência pública sobre planos de saúde na quarta-feira

 

O Globo – Rio alcança, em maio, o maior número de beneficiários de planos de saúde este ano

 

O Globo – Manaus confirma morte de bebê de sete meses por sarampo

 

O Globo – Governo lança plano para eliminar a hepatite C até 2030

 

O Globo – Senado vai analisar criação de Política Nacional para Doenças Raras

 

Zero Hora – Amazonas confirma morte de bebê por sarampo

 

Zero Hora – Fim da Copa acende alerta para o risco de novos casos de sarampo no país

 

Correio Braziliense – Sob queixas, Ministério anuncia meta de eliminar hepatite C até 2030

 

Correio Braziliense – Mais de 1 milhão de pessoas tiveram hepatite C no Brasil em 2017

 

Correio Braziliense – Baixa taxa de vacinação e fake news explicam a volta do sarampo ao país

 

Correio Braziliense – Distrito Federal promove campanha de vacinação antirrábica itinerante

 

Fato Online – Baixa qualidade de serviços compromete avanços na saúde, alerta OMS

 

Diário do Nordeste – Deputada apoia medicamento para AME no SUS

 

Jornal da Nova – Prescrição de medicamentos genéricos aumenta 65% em três anos

 

Diário do Saúde – Universidade de Alagoas vai pesquisar cura da ELA com células-tronco

 

Panorama Farmacêutico – A proibição da venda de orgânicos x indústrias farmacêuticas

 

Panorama Farmacêutico – Startup chinesa de US$ 6 bi quer ser Amazon da saúde

 

Panorama Farmacêutico – Farmácia independente do Canadá foca em healthcare

 

Panorama Farmacêutico – Desinformação sobre saúde impera entre os brasileiros

 

______________________________________________________

O Boletim NK, produzido pela NK Consultores Relações Governamentais, é uma compilação das principais notícias publicadas em meios de comunicação do país sobre temas ligados ao setor.

No comments yet.

Leave a comment

Your email address will not be published.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.