OBESIDADE ATINGE UM EM CADA CINCO ADULTOS, MAS DÁ SINAIS DE ESTAGNAÇÃO

//OBESIDADE ATINGE UM EM CADA CINCO ADULTOS, MAS DÁ SINAIS DE ESTAGNAÇÃO

A epidemia de obesidade no Brasil começa a dar sinais de estagnação. Dados inéditos do Ministério da Saúde obtidos pelo Estado mostram que a explosão de casos assistida na última década perdeu ritmo nos dois últimos anos. De acordo com o Estado de S.Paulo, os números estão longe de ser tranquilizadores. Entre as medidas consideradas cruciais, estão mudanças nas regras de rótulos de alimentos, para que a população possa fazer escolhas mais conscientes, e políticas que permitam maior acesso a frutas e hortaliças. A pesquisa do Ministério da Saúde mostra que 18,9% da população acima de 18 anos das capitais brasileiras é obesa. No dado mais recente, 54% da população está acima do peso. “Uma nova pesquisa deverá ter início no fim do ano para comprovar esses dados. No novo estudo, voluntários terão seu peso medido pelos entrevistadores”, informa a matéria.

 

Número de obesos entre jovens mais que dobra em uma década

 

Estado de S.Paulo destacou que embora o aumento do sobrepeso e da obesidade tenha se dado em todas as faixas etárias e em todas as regiões do País na última década, os jovens foram os mais afetados. O número de obesos de 18 a 24 anos mais que dobrou em 11 anos e alcança os 9%. Além disso, um terço das pessoas nessa faixa etária está com sobrepeso. A preocupação com pessoas nessa faixa etária se dá não apenas pela velocidade com que o fenômeno avança, mas pelas consequências. Quanto mais cedo jovens ficam acima do peso, maior o risco de desenvolverem doenças. O impacto para o sistema de saúde também é expressivo. Os números reunidos pelo Ministério da Saúde mostram que os efeitos da obesidade já são sentidos. “O diabetes, por exemplo, cresce de forma expressiva. Entre 2006 e 2017, os registros subiram 49% entre a população de 25 a 34 anos”, destaca a notícia.

 

Brasil tem 973 mortes por tétano em 9 anos; doença ainda é problema de saúde pública, diz ministério

 

A vacina antitetânica passou a ser disponibilizada no Brasil nos anos 1950, mas 973 brasileiros morreram pela doença entre 2007 e 2016. O G1 destaca que entre os casos, a maioria é de quem não tomou a vacina ou deixou de tomar alguma dose de reforço. Hoje, a vacinação contra o tétano é dada em três doses na infância. O Ministério da Saúde alerta que a imunização só é garantida após o indivíduo completar todas as doses. Quem não tomou na infância, pode começar a imunização na idade adulta. Dentre os casos de tétano confirmados no Brasil, muitos são os que sequer sabiam que tinham tomado a vacina. Apesar de prevenível com o imunizante, o tétano tem uma alta mortalidade, informa o governo, com 33,1% de mortes entre os casos. “O tétano é um importante problema de saúde pública, pois apresenta alta letalidade e tratamento de custo elevado”, conclui boletim da Secretaria de Vigilância em Saúde, órgão do ministério responsável pelos dados. Causada pela bactéria Clostridium tetani, o tétano não é contagioso. A doença ocorre quando ao indivíduo tem um ferimento profundo e há a introdução da bactéria em grandes quantidades nessas lesões. “No total, 5.224 casos suspeitos foram notificados ao Ministério da Saúde”, afirma a nota.

 

Uso medicinal da maconha é tema de debate na CAS

 

A descriminalização do cultivo da cannabis sativa para uso pessoal terapêutico será discutida em audiência pública foi requerida pela presidente da CAS, senadora Marta Suplicy (MDB-SP), e será promovida pela Comissão de Assuntos Sociais (CAS) nesta quarta-feira (20), às 9h00. É o que informa a Agência Senado. O debate deve instruir a análise do Projeto de Lei do Senado 514/2017, que altera a chamada Lei de Tóxicos (Lei 11.343/2006). Apresentado pela Comissão de Direitos Humanos, o projeto permite o semeio, o cultivo e a colheita de maconha para uso medicinal, em quantidade não mais do que suficiente ao tratamento, de acordo com a indispensável prescrição médica. A primeira mesa discutirá o tema “Maconha Medicinal: caminhos e alternativas para a legalização”. “A segunda mesa tratará da educação para prevenção e ciência sobre as repercussões do uso da maconha na adolescência”, frisa a publicação.

 

SAÚDE NA IMPRENSA

Ministério da Saúde – CGATES participa de oficina com ETSUS e Instituto Federal de SP

 

Ministério da Saúde – DSEI Alto Rio Solimões realiza oficinas com parteiras tradicionais

 

Ministério da Saúde – Mercosul terá rótulo frontal de alerta em alimentos

 

Ministério da Saúde – Brasil assina declaração para eliminar comércio ilícito de tabaco

 

Ministério da Saúde – Países do Mercosul fazem acordo para evitar a reintrodução de doenças

 

Ministério da Saúde – Ministro da Saúde visita o Hospital de Amor de Porto Velho

 

ANS – ANS debate incentivo a melhor desempenho em saúde

 

Tecpar – Tecpar e Fundação Araucária assinam acordo para projetos de P&D do instituto

 

SUS Conecta – Parlamentares e Conselhos defendem fim do EAD na graduação em saúde

 

SUS Conecta – CNS visita refugiados em Roraima e acompanha aplicação de recursos

 

SUS Conecta – Brasília receberá oficina de formação para controle social no SUS

 

INCA – Brasil formaliza adesão a protocolo de erradicação de comércio ilícito de cigarros

 

Fiocruz – Nova tecnologia detecta a presença do vírus zika 18 vezes mais rápido

 

Fiocruz – Pesquisador de Farmanguinhos é premiado pela Sociedade Brasileira de Química

 

Fiocruz – Conferências Internacionais discutem a história das psicoterapias

 

Anvisa – Anvisa faz alerta sobre interferência do MPF

 

Anvisa – Renato Porto fala sobre regulação para grupo do IMT

 

Anvisa – SNVS: evento reúne representantes em Brasília

 

ALESP – Emenda para São José do Barreiro comprar aparelho de ultrassom

 

ALESP – Lei de inclusão dos surdos unilaterais passará a valer em todo o Estado

 

ALESP – Publicidade na remuneração de dirigentes das OSS

 

ALESP – Saúde e mobilidade são prioridades orçamentárias para Hortolândia

 

ALESP – Audiência defende criação de centros de referência para síndrome pós-pólio

 

Câmara dos Deputados – Comissões promovem debate conjunto sobre tratamentos para crianças com neurodegeneração

 

Câmara dos Deputados – Comissão rejeita projeto que isenta profissional da saúde de erro cometido em emergências

 

Senado Federal – Comissão vota MP que regula atuação dos agentes comunitários de saúde

 

Senado Federal – Uso medicinal da maconha é tema de debate na CAS

 

Estado de S.Paulo – Justiça abre ação contra ex-prefeito de Araçatuba por desvios de R$ 16,7 mi da saúde

 

Estado de S.Paulo – A persistente radiação de Chernobyl é uma ameaça à saúde

 

Estado de S.Paulo – Os planos de saúde sob séria ameaça

 

Estado de S.Paulo – Secretaria confirma morte de três macacos por febre amarela na capital paulista

 

Estado de S.Paulo – Uso de imunoterapia contra o câncer avança, apesar de custos e limitações

 

Estado de S.Paulo – ‘Agora ninguém diz que estou doente’, diz paciente brasileira

 

Estado de S.Paulo – Obesidade atinge um em cada cinco adultos, mas dá sinais de estagnação

 

Estado de S.Paulo – Alerta em rótulos está em estudo na Anvisa

 

Estado de S.Paulo – Número de obesos entre jovens mais que dobra em uma década

 

Folha de S.Paulo – Risco de câncer ameaça revolução prometida por ‘revisão ortográfica’ de genes com Crispr

 

Folha de S.Paulo – Médicos disputam atenção de pacientes e seguidores em canais de YouTube

 

G1 – Vacinação contra febre amarela é ampliada para todos as cidades de SP

 

G1 – Brasil tem 973 mortes por tétano em 9 anos; doença ainda é problema de saúde pública, diz ministério

 

G1 – Unicamp lidera ranking de instituições sediados no Brasil em nº de pedidos de patentes: ‘Inéditos e promissores’

 

G1 – Impressão 3D, ‘GPS do cérebro’: separação de siamesas unidas pela cabeça incentiva avanços médicos

 

G1 – Pessoas com doenças cardíacas não se exercitam o suficiente, diz estudo

 

G1 – Países do Mercosul assinam acordo para rótulo frontal de alerta em alimentos

 

O Globo – Realidade virtual ameniza dor em crianças durante vacinação

 

O Globo – Vacinação contra a gripe é prorrogada até sexta em Niterói

 

O Globo – OMS descarta pólio como causa da paralisia de criança venezuelana

 

O Globo – Excesso de gordura abdominal pode aumentar risco de doenças

 

Zero Hora – Portugal aprova uso da maconha para fins medicinais

 

Zero Hora – Sarampo: saiba o que é e como se prevenir da doença

 

Zero Hora – São Sepé é a quarta cidade do centro do RS com caso suspeito de chikungunya

 

Zero Hora – Lotes de fraldas são suspensos pela Anvisa

 

Correio Braziliense – Frio aumenta em 30% chances de internação por problemas cardíacos

 

Correio Braziliense – Cientistas apostam em pílulas de efeito rápido para tratar depressão

 

Correio Braziliense – Campanha de vacinação contra Influenza é estendida no DF

 

______________________________________________________

 

O Boletim NK, produzido pela NK Consultores Relações Governamentais, é uma compilação das principais notícias publicadas em meios de comunicação do país sobre temas ligados ao setor.

No comments yet.

Leave a comment

Your email address will not be published.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.