NÚCLEO MILITAR ENTREGA LISTA COM 25 NOMES PARA CARGOS NA TRANSIÇÃO

//NÚCLEO MILITAR ENTREGA LISTA COM 25 NOMES PARA CARGOS NA TRANSIÇÃO

Os diferentes grupos que assessoraram o presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), durante a campanha começaram a definir a equipe que atuará na transição do governo. De acordo com o jornal O Estado de S. Paulo, o chamado “grupo de Brasília”, comandado pelos generais da reserva Augusto Heleno e Oswaldo Ferreira, já submeteu uma lista de 25 nomes ao deputado Onyx Lorenzoni (DEM-RS), que deve coordenar a transição. As outras indicações serão feitas pela equipe econômica da campanha, que teve o economista e futuro ministro da Fazenda, Paulo Guedes, à frente, e pelo núcleo político. Heleno já foi anunciado como futuro ministro da Defesa por Bolsonaro, enquanto Ferreira deverá ocupar alguma pasta na área de infraestrutura. O grupo chefiado pelos militares será responsável pela transição em áreas como saúde, segurança, infraestrutura, trabalho, meio ambiente, internacional, justiça e defesa. “Entre os nomes indicados estão o do professor universitário Paulo Coutinho, para a área de ciência e tecnologia; do diretor do Instituto de Pesquisa Econômica e Aplicada (Ipea) Alexandre Ywata, para meio ambiente; do consultor e coronel da reserva do Corpo de Bombeiros Luiz Blumm, para saúde e defesa; e do tenente-coronel dos Bombeiros Paulo Roberto, para a educação”, informa o jornal.

 

Novos ministros só serão anunciados em dezembro, afirma Lorenzoni



Anunciado pelo presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) como futuro ministro da Casa Civil, o deputado federal reeleito Onyx Lorenzoni (DEM-RS) afirmou nesta terça-feira (30) que anúncios de ministros vão ocorrer somente em dezembro. É o que informa o Valor Econômico. “Ele (Bolsonaro) vai nos dar as principais orientações. E nós vamos começar a trabalhar”, afirmou Lorenzoni. “Vou para Brasília amanhã. Já tenho aqui uma série de informações para ele. E ele hoje vai nos orientar de como inicia o contato com o atual governo”, disse. O deputado informou que, na quarta-feira (31), já deve levar “alguns nomes, para que sejam constituídos”, mas não disse a quais cargos.

 

Plenário pode concluir medida provisória das santas casas



Encerrado o segundo turno das eleições no domingo (28), a Câmara dos Deputados pode concluir nesta terça-feira (30) a votação da medida provisória 848/2018 que prevê uma linha de financiamento para as santas casas e hospitais filantrópicos que atendem pelo SUS, com recursos do FGTS. Segundo o texto, 5% do programa anual de aplicações do fundo serão destinados a essa linha. Conforme a Agência Câmara, os operadores serão Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal e o Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Uma das mudanças no projeto de lei de conversão da medida provisória, de autoria do senador Lasier Martins (PSD-RS), determina que a Santa Casa interessada ofereça um mínimo de 60% de seus serviços ao SUS, como é atualmente exigido para ser considerada filantrópica. Ela terá ainda de comprovar, anualmente, a prestação desses serviços com base no número de internações e atendimentos ambulatoriais realizados. “Entre os destaques que precisam ser analisados pelo Plenário está um do PSDB que amplia a linha de crédito para instituições que atuam em prol de pessoas com deficiência. Outro, do PT, exige das filantrópicas e santas casas a apresentação de programa de trabalho que identifique a ampliação da oferta de serviços com o uso do empréstimo”, enfatiza a notícia.

 

Mais da metade dos cigarros vendidos no país é ilegal, mostra pesquisa



O jornal Correio Braziliense destacou que fumar faz mal à saúde, mas se o cigarro for contrabandeado, sem sequer passar pelo crivo da Anvisa, o risco é infinitamente maior. Além disso, o consumidor colabora indiretamente com pirataria, falsificação, fraude, sonegação fiscal, roubo de carga e lavagem de dinheiro. Dominado por quadrilhas como Primeiro Comando da Capital (PCC) e Comando Vermelho (CV), o contrabando financia crimes como o tráfico de drogas, armas e munições, de acordo com pesquisa do Ibope. O levantamento mostra que o mercado ilegal bateu recorde este ano, 54% dos cigarros no país são ilegais. O país tem 22,1 milhões de fumantes, sendo 12,3 milhões legais e 10,9 milhões, ilegais. Tão grave quanto os problemas de saúde é o avanço na evasão fiscal, alertou Edson Vismona, presidente do Instituto Brasileiro de Ética Concorrencial (ETCO). “Em 2018, o Brasil deixará de arrecadar R$ 11,5 bilhões em impostos, valor 1,6 vezes superior ao orçamento da Polícia Federal”, destaca a matéria.

 

SAÚDE NA IMPRENSA
Ministério da Saúde – Espírito Santo recebe mais R$ 12,9 milhões para especialidades no SUS 

 

Ministério da Saúde – SESAI inaugura brinquedoteca em Ourolândia do Norte

 

ANS – Seminário discute regulação, judicialização e sustentabilidade da saúde suplementar

 

ANS – Portabilidade especial

 

ANS – Inscrições abertas: Audiência Pública sobre reajuste dos planos individuais e familiares

 

Conitec – Medicamento para doença pulmonar está em consulta pública

 

Conitec – Conitec avalia dispositivo para pacientes com esclerose lateral amiotrófica

 

Fiocruz – Epidemia de drogas psiquiátricas é tema de seminário

 

Fiocruz – Nova sequela é relacionada à Síndrome da Zika Congênita

 

Fiocruz – Fiocruz Brasília sedia encontro sobre Ciência Aberta para gestores de ciência e tecnologia em saúde

 

Anvisa – Anvisa participa de projeto-piloto da CGU

 

Anvisa – Lista de Denominações Comuns Brasileiras é atualizada

 

Anvisa – Orientação sobre vacina de influenza

 

Anvisa – Anvisa realiza simulado de evento em saúde pública no Ceará

 

Anvisa – Retomada da produção na EMS é discutida pela Anvisa

 

Câmara dos Deputados – Plenário pode concluir medida provisória das santas casas

 

Senado Federal – Prioridade para gastos com saúde, educação e segurança está na pauta do Plenário

 

O Estado de S. Paulo – Poluição mata 633 crianças por ano no Brasil, aponta OMS

 

O Estado de S. Paulo – Veja os artistas que têm doenças raras ou incuráveis

 

O Estado de S. Paulo – ‘Olham com nojo e repulsa para o meu corpo’, diz mulher com doença que lesiona a pele

 

O Estado de S. Paulo – Desafios que o novo governo enfrentará

 

O Estado de S. Paulo – Divórcio ou falta de desejo sexual assombram pacientes que enfrentam câncer de mama

 

O Estado de S. Paulo – Núcleo militar entrega lista com 25 nomes para cargos na transição

 

Folha de S. Paulo – Situação neurológica de gêmeas unidas pela cabeça ainda é desconhecida

 

Folha de S. Paulo – Após experiências familiares, psicóloga vira ‘suicidologista’ para prevenir casos

 

Folha de S. Paulo – Cláudia Collucci – Acabar com balcão de negócios é condição para tornar saúde menos corrupta

 

Folha de S. Paulo – Vírus da zika em macacos sugere presença de ciclo silvestre no Brasil

 

Folha de S. Paulo – Empresa lança açúcar de maçã com metade das calorias do convencional

 

G1 – Como superar a desconfiança em relação aos planos de saúde?

 

O Globo – Laboratórios Dasa apostam no atendimento segmentado

 

O Globo – Artigo: O risco da medicina alternativa em oncologia

 

Valor Econômico – Entidades levam pleitos a presidente eleito

 

Valor Econômico – Apuração interna continua na Hypera

 

Valor Econômico – Novos ministros serão anunciados só em dezembro, afirma Lorenzoni

 

Zero Hora – Projeto Baseline visa impedir as doenças de se manifestarem

 

Zero Hora – Secretaria da Saúde de Caxias pretende usar telemedicina para reduzir filas de consultas com especialistas

 

Correio Braziliense – Estudo aponta que esperar 12 meses entre duas gestações reduz riscos

 

Correio Braziliense – Cães treinados detectam malária antes de paciente apresentar sintomas

 

Correio Braziliense – Morre André Esteves médico responsável pelo 1º transplante de coração do DF

 

Correio Braziliense – Mais da metade dos cigarros vendidos no país são ilegais, mostra pesquisa

 

Correio Braziliense – Mulheres que lutam contra o câncer reencontram a autoestima

 

About Me – Simpósio de oncologia discute novidades no tratamento de câncer

 

Conjur – Canabidiol precisa de processo de regulamentação acelerada no Brasil

 

Panorama Farmacêutico – Em um ano, farmácias em terminais atendem mais de 47 mil pacientes em Fortaleza

 

Panorama Farmacêutico – Consumidor paga muito imposto para comprar medicamentos

 

Panorama Farmacêutico – Novo tratamento para diabetes pode descartar uso de insulina

 

Panorama Farmacêutico – Clínica em Fortaleza inova ao vacinar sem agulha

 

Panorama Farmacêutico – Estudo diz que exame de sangue pode detectar precocemente melanoma, o mais agressivo câncer de pele

 

_________________________________________________________________________________________

O Boletim NK, produzido pela NK Consultores Relações Governamentais, é uma compilação das principais notícias publicadas em meios de comunicação do país sobre temas ligados ao setor.

No comments yet.

Leave a comment

Your email address will not be published.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.