INSPIRADO NA INDÚSTRIA DE CARROS, SUS QUER REDUZIR LOTAÇÃO EM EMERGÊNCIAS

//INSPIRADO NA INDÚSTRIA DE CARROS, SUS QUER REDUZIR LOTAÇÃO EM EMERGÊNCIAS

Um dos serviços mais mal avaliados do SUS, unidades de urgências e emergências estão adotando um sistema de gestão, chamado Lean, inspirado na indústria automobilística para reduzir a superlotação. De acordo com o Estado de S.Paulo, em prontos-socorros de seis hospitais públicos, o sistema foi inicialmente implantado e houve redução do tempo de atendimento em até 50%. O Lean nas emergências é desenvolvido pelo Ministério da Saúde, em parceria com o Hospital Sírio-Libanês (SP), e atingirá cem hospitais públicos em três anos. O método, criado na fábrica de carros Toyota, na década de 1940, para aumentar a produtividade e a eficiência, evitando desperdícios, busca organizar fluxos internos. “No SUS, pode ser empregado, por exemplo, na organização de fluxos de pacientes, separando os de maior dos de menor gravidade ainda na sala de espera. Os de baixo risco, após o atendimento inicial são encaminhados para a atenção básica — que pode atender até 80% dos casos. Já os mais graves, após a assistência inicial, seguem para internação ou realização de exames e procedimentos. Isso agiliza o atendimento e faz com que a pessoa se sinta cuidada e não apenas sentada na sala de espera”, informa a publicação.

 

‘Somos vítimas do sucesso alcançado pela vacinação’, diz um dos pioneiros da fabricação de imunizantes no Brasil

 

Um dos maiores especialistas em vacinas no mundo, o brasileiro Akira Homma, vê as vacinas como vítimas de seu próprio sucesso. É o que informa o jornal O Globo. Segundo ele, ao levar à erradicação completa ou quase total eliminação de doenças como varíola, sarampo, poliomielite e rubéola em diversas partes do planeta, inclusive o Brasil, elas também removeram a memória e o medo das pessoas destes males que fizeram milhões de vítimas ao longo da História da Humanidade. Com isso, diz Akira, governos, mas também principalmente a população, afrouxaram na prevenção, com a queda na cobertura vacinal abrindo caminho para a volta destas doenças chamadas imunopreveníveis. “Diante disso, o especialista defende mudanças de estratégia, com mais e melhores comunicação e informação à sociedade dos benefícios não só individuais como coletivos da vacinação, identificando as que devem ser vacinadas e ampliando o acesso com dias e horários mais extensos de funcionamento destes mesmos postos”, afirma a matéria.

 

EUA são acusados de boicotar resolução da ONU que incentiva amamentação

 

Estado de S.Paulo destacou que representantes do governo dos Estados Unidos se recusaram a apoiar uma resolução da Organização das Nações Unidas (ONU) que incentiva a amamentação. Segundo revelou o jornal The New York Times, os organizadores esperavam que o texto fosse aprovado rápido e facilmente por todos os países que participam da Assembleia Mundial de Saúde, realizada em Genebra, na Suíça. Baseada em estudos científicos, a resolução declara que o leite materno é a opção mais saudável para os bebês e, ainda, determina que os países devem limitar propagandas consideradas imprecisas ou enganosas sobre os efeitos de substitutos do leite. Ainda de acordo com o jornal norte-americano, a delegação dos EUA estaria alinha aos interesses de fabricantes de fórmulas infantis à base de leite. “A reportagem aponta, também, que representantes norte-americanos defenderam modificações textuais na resolução, tais como a que afirma que o governo deve proteger, promover e dar apoio à amamentação”, ressalta a publicação.

 

Seguridade debaterá prevenção do câncer de cabeça e pescoço

 

A Comissão de Seguridade Social e Família da Câmara dos Deputados realizará, nesta quarta-feira (11), uma audiência pública para debater sobre a prevenção do câncer de cabeça e pescoço no País. Segundo a Agência Câmara, o tumor de cabeça e pescoço é a denominação genérica de tumores que se originam de várias regiões das vias aéreo-digestivas, como boca, língua, gengivas, bochechas, amígdalas, faringe, laringe, seios paranasais. A grande preocupação da Deputada Flávia Morais (PDT-GO), que pediu o debate, é que a maioria dos casos é diagnosticada já em fase avançada da doença, o que impacta negativamente na sobrevida do paciente. Com o objetivo de alertar a população sobre os desafios para a prevenção, o diagnóstico e o tratamento da doença, foi criada a campanha Julho Verde. A ação busca mobilizar a população para que tenha consciência sobre os principais fatores de risco, saiba como ter acesso ao diagnóstico e conhecer as possibilidades de tratamento. “A Federação Internacional das Sociedades Oncológicas de Cabeça e Pescoço estabeleceu o dia 27 de julho como o Dia Mundial do Câncer de Cabeça e Pescoço”, destaca a notícia.

 

SAÚDE NA IMPRENSA
Fiocruz – Febre amarela: pesquisa aponta forma de disseminação do vírus no Sudeste 

 

Anvisa – Anvisa participa de evento da Federação Brasileira de Hemofilia

 

Anvisa – Contribua com roteiro de análise de medicamentos

 

Anvisa – Webconferência com a Colômbia trata de terapias avançadas

 

Anvisa – Mais racionalidade para diagnóstico in vitro

 

Anvisa – Cosméticos suspensos após inspeção em fábricas

 

Anvisa – Sete produtos clandestinos são suspensos pela Anvisa

 

SUS Conecta – CNS promove debate com presidenciáveis durante o Abrascão

 

SUS Conecta – Conselho Nacional de Saúde deve aprovar a Política Nacional de Vigilância em Saúde

 

Câmara dos Deputados – Seguridade debaterá prevenção do câncer de cabeça e pescoço

 

Câmara dos Deputados – Audiência debaterá auditoria do TCU sobre reajustes dos planos de saúde

 

Câmara dos Deputados – Audiência debaterá dificuldades de acesso das pessoas com deficiência ao transporte aéreo

 

Estado de S.Paulo – Odontoprev reforça aposta na pessoa física

 

Estado de S.Paulo – Planos de saúde não precisam custear fertilização in vitro, decide STJ

 

Estado de S.Paulo – Laboratório usa ilustração e 3D para tornar exame mais acessível a paciente

 

Estado de S.Paulo – Pesquisadores usam microtransmissor de rádio para rastrear barbeiro

 

Estado de S.Paulo – EUA são acusados de boicotar resolução da ONU que incentiva amamentação

 

Estado de S.Paulo – Rondônia confirma primeiro caso de sarampo desde 1999

 

Estado de S.Paulo – Mãe com deficiência visual ‘vê’ bebê em seu ventre com molde 3D

 

Folha de S.Paulo – Inspirado na indústria de carros, SUS quer reduzir lotação em emergências

 

Folha de S.Paulo – Após 15 anos do Estatuto do Idoso, desafio é cumprir a lei

 

Folha de S.Paulo – Hermes Pardini fecha compra de controle de laboratórios toxicológicos

 

Folha de S.Paulo – Com sussurros, vídeos ASMR prometem combate à ansiedade, alívio e sono

 

Folha de S.Paulo – Sozinha, saúde pode não conseguir evitar volta da paralisia infantil

 

G1 – Casos de sarampo aumentaram 2.200% em Roraima apesar de campanha de vacinação, aponta governo

 

G1 – Pacientes com doença rara em Cuiabá estão sem remédio para tratamento após suspensão da Anvisa

 

G1 – Sarampo, pólio, difteria e rubéola voltam a ameaçar após erradicação no Brasil

 

G1 – Por demora em diagnóstico ou falta de antídoto, escorpiões passam a matar mais que cobras no Brasil

 

O Globo – Cientistas testam ‘bomba teleguiada’ contra o câncer de fígado

 

O Globo – ‘Somos vítimas do sucesso alcançado pela vacinação’, diz um dos pioneiros da fabricação de imunizantes no Brasil

 

O Globo – Começa julgamento sobre problemas de saúde atribuídos a pesticida da Monsanto

 

Valor Econômico – Resposta sofisticada a problema subestimado?

 

Zero Hora – Complexo hospitalar será instalado no espaço do hospital Parque Belém

 

Zero Hora –  Número de mortes por gripe no RS chega a 14

 

Zero Hora – Filhos de pais com traumas na infância são mais propensos a terem problemas de comportamento, diz pesquisa

 

Correio Braziliense – Deficiente visual relata emoção de ‘ver’ ultrassom de bebê pelo tato

 

SIS Saúde – Medicina regenerativa atrai interesse de alunos ainda na graduação

 

Diarinho – Pesquisa clínica com imunoterapia recruta pacientes com câncer de pulmão

 

O Nortão – Quer reduzir o risco de diabete tipo 2? Frutas vermelhas, chá e chocolate

 

Maxpress – Vinagre de Maçã é aliada contra diabetes

 

Panorama Farmacêutico – Genérico é preferência de 45% dos consumidores

 

Panorama Farmacêutico – TJPB manda Estado fornecer remédio sem registro

 

Panorama Farmacêutico – Trump ataca Pfizer no Twitter por aumentar preços de medicamentos

 

______________________________________________________

O Boletim NK, produzido pela NK Consultores Relações Governamentais, é uma compilação das principais notícias publicadas em
meios de comunicação do país sobre temas ligados ao setor.

No comments yet.

Leave a comment

Your email address will not be published.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.