GILBERTO OCCHI DEVE FICAR NA CAIXA E GERA INCERTEZA SOBRE SUCESSÃO NO MINISTÉRIO DA SAÚDE

//GILBERTO OCCHI DEVE FICAR NA CAIXA E GERA INCERTEZA SOBRE SUCESSÃO NO MINISTÉRIO DA SAÚDE

O presidente Michel Temer teria declarado nesta terça-feira (27) a lideranças do PP que prefere o presidente da Caixa, Gilberto Occhi, no comando do banco público, e não no Ministério da Saúde, como quer o partido. De acordo com o G1, o presidente pediu que o partido indique outro nome para a vaga que será deixada pelo ministro Ricardo Barros (PP-PR). Nesta quarta-feira (28), Temer deve receber, no Palácio do Planalto, o presidente do partido, senador Ciro Nogueira (PP-PI), para discutir a sucessão na Saúde. A ideia do PP era indicar Occhi para a Saúde e fazer uma nova indicação política para a presidência da Caixa Econômica Federal. Ocorre que o presidente Temer e o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, combinaram no final de semana que as nomeações para bancos públicos precisarão, agora, de crivo do Banco Central. Para evitar desgastes, Temer pediu ao partido, então, que indique outro nome. “Occhi também sinaliza ao presidente que prefere ficar no comando da Caixa”, afirma a nota.

 

Ministro da Saúde pode ser processado por se recusar a dar informações ao Ministério Público



O ministro da Saúde, Ricardo Barros, pode responder civilmente e penalmente por se negar a dar informações à Procuradoria Federal dos Direitos do Cidadão, do Ministério Público Federal, sobre a política de saúde mental. Conforme o Estado de S.Paulo, a procuradoria encaminhou nesta terça-feira (27) um ofício ao ministro dando o prazo de cinco dias úteis para que a pasta encaminhe informações acerca da assistência atualmente oferecida pela Rede de Atenção Psicossocial no Brasil. Caso a solicitação não seja atendida, a Procuradoria deverá encaminhar aos órgãos competentes, no âmbito do Ministério Público Federal, pedidos de responsabilização civil e penal. “A Procuradoria também solicita a relação dos municípios selecionados para a instalação de Centros de Atenção Psicossocial e cujas obras ainda não foram concluídas e pede ainda informações acerca dos serviços de saúde mental que requisitaram habilitação na Rede e que ainda não tiveram a demanda atendida pelo Ministério da Saúde”, informa a notícia.

 

Mudanças no Farmácia Popular não trazem risco ao programa, diz ministro



O ministro da Saúde, Ricardo Barros, rebateu nesta terça-feira (27) as críticas feitas pelo setor farmacêutico às mudanças na forma de pagamento do Farmácia Popular. Distribuidoras, fabricantes e associações de farmácias garantem que o novo formato vai reduzir de forma expressiva a margem de lucro e, com isso, várias unidades vão pedir o descredenciamento do programa. Segundo o Estado de S.Paulo, Barros afirmou não haver o risco de o programa minguar. A principal alteração é o valor que é repassado pelo ministério para farmácias na compra de medicamentos que são distribuídos gratuitamente para população com diabetes, asma e hipertensão. A pasta argumenta, no entanto, que esse valor é o máximo que pode ser cobrado no mercado e que, na prática, poucos são os remédios que são vendidos com essa referência. A nova portaria estabelece que o preço repassado para as farmácias será exatamente esse, acrescido do valor do ICMS e de um lucro de 40%. O valor médio é estabelecido no Sistema de Acompanhamento de mercado de Medicamentos. “O setor farmacêutico, por sua vez, não concorda”, frisa o texto.

 

Especialistas destacam importância da prevenção do câncer de intestino



Agência Câmara informou que deputados e especialistas destacaram, em seminário realizado na Câmara dos Deputados pela Frente Parlamentar de Prevenção, Diagnóstico e Tratamento do Câncer, nesta terça-feira (27), a importância da prevenção do câncer de intestino. A presidente da frente, deputada Carmen Zanotto (PPS-SC), ressaltou que o câncer de intestino tem aumentado sua incidência na população brasileira e, por isso, é necessário investir em prevenção. A representante da Associação Brasileira de Prevenção do Câncer de Intestino, Carmen Manzione, informou que, em 2018, mais de 36 mil brasileiros devem ser diagnosticados com a enfermidade, porém, esses números podem diminuir com a realização de exames de rastreamento para pacientes a partir de 50 anos de idade. O representante da Sociedade Brasileira de Oncologia Clínica, Luciano dos Santos, defendeu a realização de campanhas educativas para que a população possa adotar condutas preventivas em relação ao câncer de intestino. “Os especialistas presentes ao debate salientaram que alimentação saudável, ingestão de líquidos, atividade físicas e não fumar são hábitos que podem reduzir as chances de desenvolver câncer de intestino”, destaca a publicação.

 

SAÚDE NA IMPRENSA

Ministério da Saúde – Coletiva abordará 13 temas, como mudanças no Farmácia Popular e critérios para construção de UBS e UPAs

 

Ministério da Saúde – Ministério da Saúde investirá R$ 750 milhões em empreendimento para produção de radiofármacos

 

Ministério da Saúde – Ministério da Saúde libera R$ 1 bilhão em apoio aos municípios

 

Ministério da Saúde – Ministério da Saúde realiza missão de prospecção na Palestina

 

Ministério da Saúde – Projetos de hospitais federais reduzem em R$ 1,25 milhão o custo de energia

 

Ministério da Saúde – Homenageados com a Medalha da Ordem do Mérito Médico

 

Ministério da Saúde – Governo Federal homenageia médicos por serviços prestados à saúde brasileira

 

Tecpar – Data Science Summit 2018 apresenta conhecimento em Ciência de Dados a participantes

 

Hemobrás – Hemobrás recebe visita do Presidente Michel Temer

 

Fiocruz – Febre Amarela: Ministério da Saúde distribui guia para profissionais

 

Anvisa – Webinars discutem temas de hemoterapia

 

Anvisa – Confira 5 produtos suspensos ou proibidos pela Anvisa

 

Anvisa – Lote de Diazepan do laboratório Santista é suspenso

 

ALESP – Ambulância para distrito de Jacareí

 

ALESP – Emenda para instituto de assistência ao deficiente visual

 

ALESP – Convênio destina verba para hospital de Bauru

 

ALESP – Opinião: Passe livre para pessoas com deficiência

 

ALESP – Diretor da Faculdade de Medicina da USP é ouvido em CPI

 

ALESP – Alesp realiza ações para prevenir o câncer de mama

 

ALESP – Superintendente do Hospital das Clínicas é homenageado na Assembleia

 

Câmara dos Deputados – Especialistas destacam importância da prevenção do câncer de intestino

 

Senado Federal – Telmário cobra do governo de Roraima aplicação de verbas na saúde

 

Senado Federal – Aprovada isenção de taxas de concursos para carentes ou doadores de medula

 

Estadão – Mudanças no Farmácia Popular não trazem risco ao programa, diz ministro

 

Estadão – Menina com síndrome rara vence concurso de beleza

 

Estadão – Ministro da Saúde pode ser processado por se recusar a dar informações ao MP

 

Estadão – Tratamento hospitalar ‘caseiro’ cresce 34% no País em um ano

 

Estadão – PF ataca desvios no Projeto Glaucoma

 

Folha de S.Paulo – Saúde debilitada

 

Folha de S.Paulo – No Ceará, Fiocruz instala centro de inovação tecnológica em saúde

 

Folha de S.Paulo – A cientista brasileira premiada por pesquisar doenças negligenciadas pela indústria farmacêutica

 

Folha de S.Paulo – Claudia Collucci – Microcefalia já era endêmica antes do zika

 

G1 – Temer diz ao PP que prefere Occhi na Caixa e pede outro nome para Ministério da Saúde

 

G1 – Brasil terá ‘laboratório portátil’ com diagnóstico imediato de dengue, zika, chikungunya e febre amarela, diz Fiocruz

 

G1 – Depressão é a doença que mais rouba anos saudáveis dos brasileiros

 

O Globo – Ministério da Saúde repassa R$ 1 bilhão para municípios

 

O Globo – Anticorpos removem placas ligadas ao Alzheimer do cérebro de camundongos

 

Zero Hora – Justiça determina que cervejarias informem no rótulo cereais não maltados utilizados na fabricação

 

Correio Braziliense – Líquidos dos cigarros eletrônicos são mais tóxicos que nicotina, diz estudo

 

Correio Braziliense – Aumento do uso de antibióticos ameaça a saúde mundial

 

Correio Braziliense – Ministro da Saúde e presidente do BNDES entregam carta de demissão a Temer

 

Correio Braziliense – Patinhos de borracha podem ser transmissores de doenças graves

 

FCE Pharma – Merck usa vírus para matar tumores em tratamento contra câncer

 

Superádio Piratininga – Projeto de Lei visa garantir merenda escolar para diabéticos e celíacos na rede pública de ensino de São José

 

Agência Tribuna União – Familiares apelam para salvar bebê de Ibateguara diagnosticado com doença rara

 

Reuters – Planalto quer manter Occhi na Caixa e PP procura outro nome para substituir Barros

 

____________________________________________________________________________

 

O Boletim NK, produzido pela NK Consultores Relações Governamentais, é uma compilação das principais notícias publicadas em meios de comunicação do país sobre temas ligados ao setor.

No comments yet.

Leave a comment

Your email address will not be published.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.