DEPRESSÃO SERÁ A DOENÇA MENTAL MAIS INCAPACITANTE DO MUNDO ATÉ 2020

//DEPRESSÃO SERÁ A DOENÇA MENTAL MAIS INCAPACITANTE DO MUNDO ATÉ 2020

O jornal O Estado de S. Paulo destacou que na quarta-feira (10) foi celebrado o Dia Internacional da Saúde Mental e o alto número de relatos envolvendo transtornos preocupa. De acordo com dados da OMS, a quantidade de casos de depressão cresceu 18% em dez anos. Até 2020, esta será a doença mais incapacitante do planeta, na previsão da Organização Mundial da Saúde. “Globalmente, apenas metade daqueles que precisam de tratamento psiquiátrico recebem ajuda”, afirma Nadège Herdy, psiquiatra da Rede de Hospitais São Camilo, de São Paulo. O Brasil é campeão de casos de depressão na América Latina. Quase 6% da população, um total de 11,5 milhões de pessoas, sofrem com a doença, segundo dados da OMS. A psiquiatra Nadège Herdy relata que há um aumento na procura por profissionais de saúde mental, mas o preconceito ainda é evidente. “O estigma social ainda é um dos mais importantes e difíceis obstáculos para recuperação e reabilitação das pessoas que sofrem de doença mental. Esses indivíduos, além de precisar lutar contra seus sintomas que muitas vezes interferem na autonomia, independência, qualidade de vida, precisam lutar contra o estigma”, avalia.

 

Comissão do Senado aprova reajuste automático de remuneração pelos planos de saúde



A Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado aprovou na quarta-feira (10) o projeto de lei que determina reajuste automático da remuneração dos médicos pelos planos de saúde. Pela nova determinação, sempre que houver correção no valor das mensalidades pagas pelos beneficiários, o valor pago pelas consultas também deverá ser reajustado. É o que informa a Agência Senado. O texto, do senador Eduardo Amorim (PSDB-SE), altera a lei que criou a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), conferindo ao órgão a competência para homologar e fiscalizar o cumprimento de acordos que reajustem a remuneração dos médicos. O objetivo é garantir que qualquer reajuste de mensalidade seja obrigatoriamente repassado, no mesmo percentual, à tabela de remuneração pelos serviços médicos. “O relator do projeto, senador Ronaldo Caiado (DEM-GO), defende que a remuneração pelas consultas há de ser adequada à complexidade do atendimento prestado pelos médicos”, enfatiza a Agência.

 

Estudo do INCA revela diminuição no consumo de cigarros ilícitos no Brasil



Houve recuo no percentual de cigarros ilegais consumidos no Brasil: de 42,8%, em 2016, para 38,5% em 2017. É o que mostra o estudo Vigitel 2017 e Estimativa de Consumo de Cigarros Ilícitos no Brasil, baseado em metodologia publicada recentemente no American Journal of Public Health. De acordo com o portal do INCA, a pesquisa contraria as estimativas da indústria tabageira que indicariam proporção maior e crescente do mercado ilegal. O estudo com os novos números foi divulgado em outubro, em Genebra, na Suíça, pela Comissão Nacional para Implementação da Convenção-Quadro para o Controle do Tabaco (Conicq), cuja secretaria-executiva é exercida pelo INCA. Estudo realizado pelo INCA mostra que a quantidade de cigarros ilegais consumidos no Brasil caiu de 39,7 bilhões em 2016 para 34,9 bilhões em 2017. No mesmo período, a quantidade de cigarros legais consumidos no País subiu de 53,1 bilhões para 55,8 bilhões. “Os resultados indicam reversão da tendência observada entre 2014 e 2016, quando o consumo de cigarros ilegais cresceu, e o de cigarros legais, diminuiu”, destaca o portal.

 

Paciente de clínica particular não tem direito a remédio de alto custo pelo SUS



Por entender que apenas quem se trata integralmente pelo SUS tem direito de receber medicamento de alto custo, a 4ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região negou pedido de remédio gratuito pelo SUS a uma paciente que faz tratamento e recebe acompanhamento em clínica particular. Conforme o portal do Jusbrasil, pensionista do Instituto de Previdência do Estado do Rio Grande do Sul (Ipe), a idosa, de 79 anos, é portadora de bronquiectasias, uma dilatação dos brônquios pulmonares que, devido ao acúmulo da secreção respiratória, facilita a entrada e colonização de germes no pulmão, gerando repetidas infecções respiratórias. O custo semestral do Colomycin é de R$ 36 mil. Sem condições financeiras para adquirir o remédio, a autora requereu o fornecimento na administração estadual, que foi negado. Ela então recorreu ao Poder Judiciário. A 1ª Vara Federal de Passo Fundo (RS) deferiu o pedido da autora para que a União fornecesse a medicação na quantidade de 360 ampolas, suficiente para seis meses de tratamento. O SUS recorreu ao tribunal, solicitando o efeito suspensivo pelo dano de difícil reparação, por se tratar de medicamento de alto custo. “Segundo o relator do caso, desembargador federal Luís Alberto d’Azevedo Aurvalle, a autora teve a indicação do fármaco em atendimento em clínica médica particular de Passo Fundo, que não possui convênio com o SUS. Assim, não há documentação médica indicando que houve submissão aos protocolos clínicos do SUS para o tratamento da sua patologia”, informa a notícia.

 

SAÚDE NA IMPRENSA
Ministério da Saúde – Ministério da Saúde atualiza casos de sarampo 

 

Ministério da Saúde – SESAI recebe contribuições para diretrizes de funcionamento das Casas de Saúde Indígena

 

INCA – Estudo do INCA revela diminuição no consumo de cigarros ilícitos no Brasil

 

SUS Conecta – CNS critica atual modalidade de exame toxicológico para motoristas profissionais

 

Fiocruz – Seminário internacional na Fiocruz discute a medicalização do parto

 

Anvisa – Fórum discute produtos de terapias celulares avançadas

 

Anvisa – Boas práticas de fabricação: guias orientam empresas

 

Câmara dos Deputados – Projeto amplia Lei do Cão-Guia para permitir assistência a outras deficiências

 

Câmara dos Deputados – Câmara analisa propostas que podem ajudar a combater a obesidade

 

Senado Federal – CAE aprova reajuste automático de remuneração pelos planos de saúde

 

Senado Federal – Comissão pede que Ministério da Saúde inclua Spinraza no protocolo do SUS

 

Senado Federal – Hospitais podem ser obrigados a contratar intérpretes de Libras

 

Senado Federal – CDH vai debater a crise na cultura e do setor hospitalar brasileiro

 

Senado Federal – Emendas de comissões permanentes ao Orçamento de 2019 somam quase R$ 6 bilhões

 

O Estado de S. Paulo – Depressão será a doença mental mais incapacitante do mundo até 2020

 

O Estado de S. Paulo – São Paulo amplia serviços e recursos para o cidadão surdo

 

O Estado de S. Paulo – “Lei da reforma trabalhista proíbe alterar cota para pessoas com deficiência”

 

O Estado de S. Paulo – Primeiro cego eleito deputado federal quer mais oportunidades

 

O Estado de S. Paulo – ‘Há no Japão uma superproteção ao deficiente físico’, diz brasileiro do COI

 

O Estado de S. Paulo – Surfista cria protetor solar para quem pega onda

 

O Estado de S. Paulo – Beto Barbosa, que luta contra um câncer, comemora avanço no quadro de saúde

 

Folha de S. Paulo – Mercado Aberto – Comida sem fila

 

Folha de S. Paulo – Com cobertura vacinal ainda em baixa, Saúde lança ação com Zé Gotinha sério

 

Folha de S. Paulo – Japoneses sobreviventes das bombas atômicas são tratados em hospital de SP

 

G1 – Tomar café da manhã antes da atividade física ajuda no emagrecimento

 

G1 – Longevidade feminina não está livre do risco de doenças

 

G1 – Brasil tem 13 milhões de portadores de doenças raras

 

G1 – Brasileiro cria primeiro desenho animado em Libras no YouTube

 

G1 – Doulas da morte: como é o trabalho de quem acompanha o fim da vida

 

O Globo – Distúrbios de saúde mental aumentam em todos os países do mundo, alerta relatório

 

O Globo – Remédio para tratar eczema pode ajudar a combater calvície

 

O Globo – Irlanda aprova lei que alerta consumidores sobre câncer com bebidas alcoólicas

 

O Globo – Verba da saúde para a Zona Oeste, na área de atenção primária, cairá mais de 30%

 

Valor Econômico – Startups criam benefícios corporativos diferenciados

 

Valor Econômico – Projeto do PrevSaúde está parado no Senado

 

Valor Econômico – Indústria cobra propostas de candidatos para setor

 

Zero Hora – Depressão será a doença mental mais incapacitante do mundo até 2020, segundo OMS

 

Zero Hora – Motoristas que atuam na Secretaria da Saúde do RS paralisam atividades

 

Zero Hora – Crise na Santa Casa de Livramento pode fazer prédio de hospital ir a leilão

 

Zero Hora – Após reforma, Postão 24h de Caxias abrirá com nova equipe e UBSs manterão mais médicos

 

Correio Braziliense – Pesquisadores encontram ligação entre a arritmia cardíaca e a demência

 

Correio Braziliense – Alexandre Ruschi: Com a crise, saúde privada entrou em depressão

 

Infosaj – Ingestão de vitamina B protege os rins de pacientes com diabetes tipo 1, diz estudo

 

Jusbrasil – Paciente de clínica particular não tem direito a remédio de alto custo pelo SUS

 

Jusbrasil – Medicamentos e insumos farmacêuticos inovadores importados podem ter o registro facilitado

 

Viva Bem – Pesquisadores belgas identificam células que originam câncer

 

Panorama Farmacêutico – Cuidados adequados ajudam vida do cuidador e da pessoa com Alzheimer

 

Panorama Farmacêutico – Dia Mundial da Visão alertar para os riscos da cegueira

 

Panorama Farmacêutico – Jejum intermitente planejado pode reverter o diabetes tipo 2, dizem médicos

 

Panorama Farmacêutico – Fórum discute produtos de terapias celulares avançadas

_________________________________________________________________________________________

O Boletim NK, produzido pela NK Consultores Relações Governamentais, é uma compilação das principais notícias publicadas em meios de comunicação do país sobre temas ligados ao setor.

No comments yet.

Leave a comment

Your email address will not be published.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.