BOLSONARO TEM VOTAÇÃO EXPRESSIVA, MAS VITÓRIAS NO NORDESTE LEVAM HADDAD AO 2º TURNO

//BOLSONARO TEM VOTAÇÃO EXPRESSIVA, MAS VITÓRIAS NO NORDESTE LEVAM HADDAD AO 2º TURNO

O candidato do PSL à Presidência, Jair Bolsonaro, conquistou votação expressiva no primeiro turno da eleição presidencial deste domingo (7), mas não o suficiente para evitar um segundo turno contra o petista Fernando Haddad, salvo pela Região Nordeste, que garantiu uma nova rodada de votação daqui a três semanas. Com 99,95% das seções eleitorais apuradas, Bolsonaro tinha 46,03% dos votos válidos, ou 49,275 milhões de votos, enquanto Haddad tinha 29,26%, o equivalente a 31,341 milhões de votos. Conforme destaca reportagem do portal UOL, o candidato do PSL venceu em todos os Estados, exceto nos nove do Nordeste e no Pará. Haddad foi o mais votado em 8 Estados nordestinos e no Pará. Ciro Gomes (PDT), que ficou em terceiro, com 12,47%, ganhou no Ceará. “A votação expressiva em solo nordestino, tradicional reduto do PT e especialmente do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, garantiu a Haddad a vaga no segundo turno”, enfatiza a reportagem.

 

Eleição para presidência em 2º turno gera dúvidas aos candidatos derrotados

 

Com o elevado nível de polarização, a expectativa é de uma campanha de segundo turno calcada nos esforços de desconstrução do adversário de ambos os lados e de uma espécie de plebiscito entre “petistas” e “antipetistas”. É o que destaca o portal do UOL. Entre os derrotados neste domingo, Ciro disse que ainda fará reuniões para definir seu posicionamento no segundo turno, mas descartou apoio a Bolsonaro. O candidato do PSDB, Geraldo Alckmin, que registrou 4,76%, manifestou respeito pelo resultado das urnas. “Quero transmitir em primeiro nosso absoluto respeito ao resultado das urnas, a manifestação dos eleitores”, disse Alckmin. Marina Silva, candidata da Rede, que viu seu apoio junto ao eleitorado derreter ao longo da campanha chegando a este domingo com 1% e apenas a oitava posição, disse que seu partido ainda discutirá sobre apoios no segundo turno, mas que fará oposição a partir de 2019. “Guilherme Boulos, do PSOL, anunciou apoio ao PT no Twitter”, informa o portal.

 

Câmara tem 243 deputados novos e renovação de 47,3%

 

Agência Câmara destacou que o índice de renovação na Câmara dos Deputados nesta eleição foi de 47,37%, segundo cálculo da Secretaria-geral da Mesa (SGM). Foram eleitos 243 deputados de primeiro mandato, que nunca exerceram o cargo antes. Sobre quem tentava a reeleição, de um total de 444 candidatos a renovar mandato, 251 foram reeleitos. Ou seja, 56,5% dos deputados que se candidataram à reeleição foram reeleitos. Também foram eleitos 19 ex-deputados de legislaturas anteriores (3,7%). Nas últimas quatro eleições, o percentual de renovação na Câmara ficou abaixo de 40%, de acordo com os dados da SGM. O PSL foi o partido que ganhou mais deputados novos, 47 de uma bancada de 52 parlamentares. Já o PT foi o partido que mais reelegeu deputados. Dos 56 deputados eleitos neste domingo (7), 40 foram reeleitos. Segundo o analista político Antônio Augusto de Queiroz, diretor de documentação do Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar, o índice de renovação foi surpreendente em função do crescimento de partidos como PSL, do candidato à Presidência Jair Bolsonaro, e PRB. “Queiroz acredita porém, que a renovação na Casa é, na verdade, uma circulação no poder de parlamentares com mandato estadual vindo para a Câmara”, enfatiza a Agência.

 

Senado tem a maior renovação da sua história

 

De cada quatro senadores que tentaram a reeleição em 2018, três não conseguiram. Essa estatística marca a eleição mais surpreendente da história recente do Senado Federal. De acordo com a Agência Senado, desde a redemocratização do país, não houve um pleito que trouxesse tantas caras novas para o tapete azul do Senado. No total, das 54 vagas em disputa neste ano, 46 serão ocupadas por novos nomes, renovação de mais de 85%. Além das trocas de senadores decorrentes das eleições parlamentares, as disputas pelos governos estaduais também movimentam as cadeiras, devido à participação de senadores que estão na metade do mandato. Duas trocas já estão garantidas e duas ainda podem ser acontecer no segundo turno. Ao todo, o Senado pode ter 50 novos nomes em 2019, o que representaria uma mudança inédita de mais de 61% da Casa. A eleição de 2018 colocou em disputa dois terços das vagas do Senado, ou duas das três de cada estado. Nela foi registrado o maior número de candidaturas à reeleição que já se viu: foram 32, ou quase 60% dos senadores cujo mandato chega ao fim no próximo mês de fevereiro. O sucesso veio para poucos, já que apenas um quarto conseguiu. Dos nove estados com dois senadores na disputa, nenhum viu ambos retornarem. Em cinco casos, nenhum dos dois senadores conseguiu se reeleger. “Com isso, já estão confirmadas 48 trocas de guarda no Plenário a partir de 2019”, destaca a notícia.

 

SAÚDE NA IMPRENSA
Ministério da Saúde – Lista de selecionados para turma do Programa de Treinamento EpiSUS 

 

Ministério da Saúde – PET-Saúde divulga lista dos projetos inscritos

 

ANS – ANS participa do seminário “A saúde suplementar na visão do STJ”

 

Hemobrás – Hemobrás tem novo Regulamento de Licitações e Contratações

 

Fiocruz – Fiocruz estuda melhorias na vacina para febre amarela

 

Fiocruz – Brasil Saúde Amanhã: complexo econômico-industrial da saúde

 

Fiocruz – Publicação da Editora Fiocruz entre as finalistas do Prêmio Jabuti 2018

 

Fiocruz – Prêmio Abeu 2018: livro da Editora Fiocruz recebe indicação

 

Anvisa – Controle do tabaco é tema de conferência em Genebra

 

Câmara dos Deputados – Lei que obriga escolas a terem curso de primeiros socorros é sancionada

 

Câmara dos Deputados – Plenário pode votar amanhã MP que cria linha de crédito para santas casas

 

Câmara dos Deputados – Câmara tem 243 deputados novos e renovação de 47,3%

 

Senado Federal – Libras pode se tornar disciplina obrigatória nas escolas públicas

 

Senado Federal – Eleições: Senado tem a maior renovação da sua história

 

O Estado de S. Paulo – Tempo gasto em frente a telas afeta desenvolvimento de criança, diz estudo

 

O Estado de S. Paulo – “Emprego Apoiado é um esforço fundamental para a inclusão concreta”

 

O Estado de S. Paulo – Alteração genética em mosquitos pode erradicar a malária

 

Folha de S. Paulo – Acessibilidade para eleitores com deficiência ainda é desafio nas eleições

 

Folha de S. Paulo – Sarampo se alastra entre os ianomâmis na Venezuela e mata 72

 

Folha de S. Paulo – Matemática ajuda médicos a prever risco de morte em cirurgia

 

Folha de S. Paulo – Hospital superlotado do Recife reduz em 54% os casos de mortes maternas

 

Folha de S. Paulo – Empresas investem em tecnologia para cumprir Lei de Proteção de Dados

 

Folha de S. Paulo – Vendas de farmácias desaceleram, mas sobem 7,3%

 

Folha de S. Paulo – Indústria da maconha nos EUA enfrenta gargalos

 

Folha de S. Paulo – Mortalidade por infecção generalizada dobra em hospitais públicos

 

Folha de S. Paulo – Estudo genético mapeia história da migração e da cultura chinesa

 

Folha de S. Paulo – Mônica Bergamo – Médicos de Barueri estão há três meses sem receber plantões extras

 

Folha de S. Paulo – Matemática ajuda médicos a prever risco de morte em cirurgia

 

Folha de S. Paulo – Parar de beber por apenas 1 mês gera algum benefício real à saúde?

 

G1 – Pesquisadores brasileiros desenvolvem analgésico a partir de substância extraída de aranha

 

G1 – Cinco novos casos do Ebola são confirmados no leste da República Democrática do Congo

 

G1 – Alzheimer sem filtro

 

G1 – Veja as propostas das equipes dos presidenciáveis para a economia, saúde, educação e cultura

 

G1 – Diabetes pode começar mais de 20 anos antes do diagnóstico, diz estudo

 

G1 – Cinco novos casos do Ebola são confirmados no leste da República Democrática do Congo

 

G1 – Incêndio provoca vazamento tóxico e quarteirão é evacuado em SP

 

O Globo – Carga de medicamento retida por um mês no aeroporto de Brasília é liberada para pacientes

 

O Globo – Outubro rosa: prática de exercícios reduz em 30% as chances de câncer de mama

 

O Globo – Qualicorp volta atrás e fundador vai comprar R$ 150 milhões em ações da empresa

 

Zero Hora – Pesquisa alerta para o impacto do uso de filtros solares na saúde

 

Zero Hora – Há dois meses, Santa Maria não tem medicamento usado no tratamento da toxoplasmose

 

Zero Hora – Hospital de Clínicas restringe atendimento no Centro Obstétrico

 

Zero Hora – Em tratamento contra câncer raro, psicopedagoga faz campanha para arrecadar R$ 160 mil

 

Zero Hora – Municípios da Serra fazem ações voltadas à saúde das mulheres neste sábado

 

Zero Hora – Anvisa proíbe marca de cosméticos naturais de vender produtos

 

Correio Braziliense – Descoberta sobre doença ELA abre caminho para novos tratamentos

 

Correio Braziliense – Cientistas investigam se estrutura do cérebro influencia a escolha política

 

Correio Braziliense – Indefinição sobre compra atrasa fornecimento de anticonvulsivantes

 

Correio Braziliense – STJ decide que o médico é quem bate o martelo sobre remédio e tratamento

 

Correio Braziliense – Especialistas alertam sobre os cuidados com os cosméticos na infância

 

Correio Braziliense – Propostas para a Saúde devem pautar a discussão do segundo turno

 

Diário da Manhã – Hereditariedade aumenta em 80% as chances de se desenvolver câncer de mama

 

Diga Bahia – Uso exclusivo de terapia alternativa contra câncer eleva mortalidade

 

Folha de Dourados – Primeiro tratamento para câncer de próstata resistente à castração não metastático é aprovado no Brasil

 

Gazeta do Cerrado – Soluções para o SUS serão debatidas

 

Infonet – Amostra de teste do pezinho deve ser enviado em envelope padronizado

 

UOL – Bolsonaro tem votação expressiva, mas Nordeste salva Haddad e o leva ao 2º turno

 

______________________________________________________

O Boletim NK, produzido pela NK Consultores Relações Governamentais, é uma compilação das principais notícias publicadas em meios de comunicação do país sobre temas ligados ao setor.

No comments yet.

Leave a comment

Your email address will not be published.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.