VENDA DE REMÉDIOS NO PAÍS DEVE CRESCER 8% NESTE ANO

//VENDA DE REMÉDIOS NO PAÍS DEVE CRESCER 8% NESTE ANO

Depois de crescerem 11,5% em receita em 2017, acima do esperado pela indústria farmacêutica, as vendas de medicamentos no mercado brasileiro devem desacelerar este ano e mostrar expansão de cerca de 8% até dezembro. Diante da baixa inflação, os laboratórios já sabem que o reajuste anual autorizado pelo governo federal para os preços de medicamentos em 2018 será um dos menores dos últimos anos. Segundo o Valor Econômico, em janeiro deste ano, as vendas de remédios nas farmácias brasileiras cresceram em receita e em volume na comparação anual. Segundo dados da consultoria IQVIA, em janeiro foram vendidas no país 319,7 milhões de unidades, alta de 9,8% frente a janeiro de 2017. Em receita, considerando-se os descontos concedidos, as vendas subiram 13,6% em janeiro, na comparação anual, para R$ 4,73 bilhões. No acumulado de fevereiro de 2017 a janeiro deste ano, o crescimento foi de 11,5%. “De acordo com Interfarma, o reajuste autorizado pelo governo neste ano deve ficar entre os mais baixos dos últimos 13 anos”, ressalta parte da reportagem.

Priorização de análise: entenda as novas regras

Anvisa em seu portal, informou que no próximo dia 26, entrará em vigor a RDC 204/2017, a nova norma que dispõe sobre priorização de análise de registro, pós-registro e anuência prévia em pesquisa clínica de medicamentos. Com isso, os pedidos de priorização de análise de medicamentos deverão seguir os critérios estabelecidos pela nova normativa. “A partir do dia 26, estará disponível para peticionamento eletrônico o assunto 11317 – Aditamento Priorização de Análise. A norma prevê que o pedido de priorização seja feito no momento do protocolo da petição, conforme artigo 10 da Resolução. Portanto, a empresa que solicitar priorização de análise para alguma petição, primária ou secundária, deverá fazê-lo por meio desse Aditamento (11317). Para os registros de medicamento novo sintético, quando a empresa solicitar priorização de análise, a petição primária deverá ser feito somente pelo Datavisa, pelo código 11306, e, logo em seguida, o peticionamento do respectivo Aditamento (11317). Assim, não serão mais aceitos os pedidos de priorização de análise excepcional peticionados na forma de carta”, afirma a publicação.

Vírus da febre amarela é detectado em outra espécie de mosquito em MG

Pesquisadores do Instituto Evandro Chagas detectaram a presença do vírus da febre amarela em outra espécie de mosquito. É o que o informa o jornal O Globo. Segundo os cientistas, o micro-organismo foi encontrado em exemplares da espécie Aedes albopictus capturados nos municípios de Itueta e Alvarenga, em Minas Gerais, mas ainda são necessários mais estudos para saber se eles podem transmitir a doença. De acordo com o Ministério da Saúde, até agora não foram encontrados A. aegypti infectados com o vírus da febre amarela e todos os casos da doença registrados no Brasil desde 1942, inclusive os atuais, são silvestres. Segundo o Ministério, de 1º de julho de 2017 a 15 de fevereiro deste ano foram confirmados 407 casos de febre amarela no país, sendo 183 em São Paulo, 157 em Minas Gerais, 68 no Rio de Janeiro e 1 no Distrito Federal. Também foram registrados 118 óbitos em todo o país. “Os dados ainda são preliminares e um novo boletim epidemiológico deverá ser divulgado”, destaca a notícia.

Vacina de células-tronco tem ação anticâncer em camundongos

Pode ser possível tratar vários tipos de câncer com uma fórmula simples, afirmam cientistas em um artigo científico publicado no periódico “Cell Stem Cell”. De acordo com o a Folha de S.Paulo, pesquisadores dos EUA, Alemanha, Coreia do Sul e Holanda formularam uma espécie de vacina à base de células-tronco derivadas de células adultas e trataram camundongos contra três tipos da moléstia: de mama, de pulmão e melanoma. As injeções tanto inibiram o crescimento de um novo tumor quanto frearam o crescimento daqueles preexistentes. “Como a formulação da injeção se baseia em células maduras, potenciais dilemas éticos seriam evitados. O mecanismo de ação da injeção teria a ver com a ativação de células T, componentes do sistema imunológico responsáveis por atacar células que se comportam de maneira estranha no organismo. Esse tratamento, especulam os autores, poderia servir como complemento para as atuais imunoterapias”, frisa a Folha, parte do artigo.

SAÚDE NA IMPRENSA
Ministério da Saúde – Ministério da Saúde faz balanço da vacinação de febre amarela

Ministério da Saúde – Febre amarela: MS alerta para necessidade de aumentar a vacinaçãoMinistério da Saúde – Ministro da Saúde anuncia recursos para ampliar assistência em Cascavel, Laranjeiras do Sul e Guarapuava

Anvisa – Priorização de análise de medicamentos: norma entra em vigor dia 26

Anvisa – Governo estabelece diretrizes para Análise de Impacto Regulatório

Anvisa – Agências pedem novo posicionamento da AGU sobre diplomas

Anvisa – Agências pedem novo posicionamento da AGU sobre diplomas

Anvisa – Participe do Webinar sobre exigência e emissão do CIVP

Fiocruz – Inscrições para especialização em psicologia hospitalar vão até 22/2

Fiocruz – Pesquisadora da Fiocruz PE é indicada para o Conselho Deliberativo do CNPq

ALESP – R$ 2,5 milhões para a saúde da RM Vale e Litoral Norte

ALESP – Reunião contra fechamento da UPA do Santo Antônio

Senado Federal – Senadores defendem uso racional de recursos para combate à febre amarela

Senado Federal – Aluno de escola pública poderá fazer exames para diagnosticar problemas auditivos e visuais

Correio Braziliense – Vírus da febre amarela é encontrado em mais uma espécie de Aedes

Correio Braziliense – Mulheres transgênero podem amamentar, aponta estudo dos Estados Unidos

Folha de S.Paulo – ‘Traumas’ do passado deixam EUA em alerta contra a febre amarela

Folha de S.Paulo – ‘Primo’ do Aedes carrega febre amarela, mas poder de transmissão é incerto

Folha de S.Paulo – A clínica nos EUA onde milionários ‘desconectam filhos viciados em celulares e internet

Folha de S.Paulo – Planta e veneno de cobra são testados contra a hepatite C

Folha de S.Paulo – Vacina de células-tronco tem ação anticâncer em camundongos

G1 – Com baixa adesão, campanha contra febre amarela vacina 19% do público-alvo em RJ e SP

G1 – Tratamento com droga antioxidante preveniu transmissão sexual do zika, diz pesquisa

G1 – Diretor pede a Temer R$ 200 milhões para que projeto Sirius ‘decole’ ainda em agosto

G1 – Farmácias Cidadãs têm 300 tipos de remédios gratuitos disponíveis no ES

O Globo – Vírus da febre amarela é detectado em outra espécie de mosquito em MG

O Globo – Especialistas avaliam novas orientações da OMS para partos

O Globo – Vacina de células-tronco consegue barrar desenvolvimento de cânceres

O Estado de S.Paulo – Vacina de febre amarela atinge só 19% do público

O Estado de S.Paulo – Vírus da febre amarela é encontrado em mais uma espécie de Aedes

Valor Econômico – Venda de remédios no país deve crescer 8% neste ano 

Valor Econômico – Recurso ‘empoçado’ explica gasto menor em 2017

Zero Hora – “É inacreditável a quantidade de irregularidades”, diz secretário estadual da Saúde sobre clínica de vacinas

Zero Hora – Clientes pagaram até R$ 590 por vacina em clínica investigada por fraude em Novo Hamburgo

Zero Hora – Advogado de clínica de vacinas interditada em Novo Hamburgo nega fraudes

JQ Notícias – Açailândia está entre as três cidades do Brasil que fizeram Parcerias Público-Privadas em 2017

Fato Amazônico – Sintomas do Câncer podem se assemelhar aos de doenças da infância

Fato Amazônico – Semsa ultrapassa meta de acompanhamento de saúde dos beneficiários do programa

Ric Mais – Após caso de sarampo, Roraima vacina venezuelanos em Boa Vista

Aqui Notícias – Temer visita laboratório de acelerador de partículas em Campinas

Casa de Notícias – FDA concede autorização de marketing para a Banyan Biomarkers para a primeira análise de sangue diagnóstica para lesão traumática do cérebro

Rede Notícias – Vacina contra malária tem resultados promissores

Panorama Farmacêutico – Anvisa amplia validade de registro de medicamentos

Bocão News – Dirigente da Bahiafarma representará laboratórios públicos do país em fórum

Grupo União – Unicamp Campinas faz parceria inédita com farmacêuticas para desenvolver remédio contra o câncer

Bom Jardim Notícias – Aspirina poderia funcionar da mesma forma que o Viagra, sugere polêmico estudo

Amazonas Notícias – Defensoria vai acionar Estado por falta de equipamentos para exames

News Cuiabá – Clínica de Várzea Grande é a única do Estado a realizar check up completo em até 8h

Parabrisa – São João é pioneira na implantação do Prontuário Eletrônico na Saúde

Notícias do Dia – Anvisa proíbe venda de marca fralda descartável para crianças

No comments yet.

Leave a comment

Your email address will not be published.