RECEITA DA INDÚSTRIA FARMACÊUTICA SOMOU R$ 63,5 BI EM 2016

//RECEITA DA INDÚSTRIA FARMACÊUTICA SOMOU R$ 63,5 BI EM 2016
Em 2016, a indústria farmacêutica faturou R$ 63,5 bilhões, segundo dados divulgados pela Anvisa. Durante 2016, foram comercializadas 4,5 bilhões de embalagens de produtos farmacêuticos. De acordo com a agência, o destaque foi a venda de medicamentos novos, produzidos com princípios ativos sintéticos ou semissintéticos. O Valor Econômico enfatiza que o grupo representou um montante de R$ 25 bilhões em vendas, o que representou 39,4% do total registrado. Os dados apresentados pela agência apontam que o principal canal de distribuição de medicamentos são as empresas de comércio atacadista (68%), seguidas por farmácias e drogarias (17%). A participação dos medicamentos genéricos no mercado interno está se aproximando do patamar observado nos EUA e na UE. Os remédios voltados ao tratamento de doenças cardiovasculares lideraram o ranking da indústria em 2016. Em segundo ficaram os medicamentos destinados ao cuidado do sistema nervoso central, com 650 mil unidades vendidas. “As informações constam da segunda edição do Anuário Estatístico do Mercado Farmacêutico 2016, que é elaborado pela Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos (CMED)”, ressalta a reportagem.

Governo reforça papel de hospital psiquiátrico

O Ministério e os Conselhos Estaduais e Municipais de Saúde aprovaram a reformulação da política de saúde mental do País. Segundo o Estadão informou, o novo modelo reforçará o papel de hospitais psiquiátricos, que voltam a fazer parte da rede de atendimento. Também incentivará a criação de enfermarias especializadas em hospitais gerais. Uma das principais mudanças da nova resolução é a garantia de que não haverá a redução de leitos em hospitais psiquiátricos. Até então, a política recomendava que, com a transferência de um paciente para o atendimento ambulatorial, a vaga deveria ser fechada. Em caso de necessidade, pacientes deveriam ser atendidos em leitos reservados em hospitais gerais para a saúde mental. “Ao justificar a alteração, o coordenador do Programa de Saúde Mental do ministério, Quirino Cordeiro, afirmou que o País tem uma quantidade insuficiente de leitos psiquiátricos. Além de interromper o fechamento de vagas, a reforma garante o aumento do valor da diária paga por internação em hospital psiquiátrico, dos atuais R$ 49 para R$ 80”, destaca a notícia.

Testes clínicos com terapia genética alcançam a cura da hemofilia A

Hospitais da rede pública britânica realizaram em pacientes portadores de Hemofilia tipo A um experimento com terapia genética, e de acordo com o jornal O Globo, é o primeiro tratamento a curar a doença, mesmo que em fase experimental. Segundo John Pasi, professor da Universidade Queen Mary, em Londres, e um dos pesquisadores envolvidos na pesquisa, os resultados “superaram as expectativas”. — Agora nós temos o potencial de transformar o tratamento de pessoas com hemofilia usando uma única terapia, para quem, no momento, deve receber injeções quase diárias. Agora, a equipe ampliará os testes incluindo voluntários dos EUA, de outros países da Europa, da África e da América do Sul. De acordo com estimativas dos Centros de Prevenção e Controle de Doenças dos EUA, a hemofilia afeta principalmente os indivíduos do sexo masculino. Um em cada 5 mil meninos que nascem possui a doença. A hemofilia do tipo A, tratada com esta nova terapia, é quatro vezes mais comum que a do tipo B, que afeta a produção do fator de coagulação IX.

CCJ aprova aumento de pensão para portador de Síndrome da Talidomida

A Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania aprovou o Projeto de Lei 7435/17, do Senado Federal, que aumenta de R$ 426,53 para R$ 1.000 o valor de referência da pensão recebida por pessoas com deficiência física portadoras da Síndrome de Talidomida. É o que informa a Agência Câmara Notícias. O valor é usado para calcular a pensão. A quantia é multiplicada pelo total de pontos indicadores do grau de dependência resultante da deficiência física. O grau de dependência é medido entre 1 e 8 pontos, levando-se em consideração quatro itens de dificuldade: alimentação, higiene, locomoção e incapacidade para o trabalho. A relatora na comissão, deputada Soraya Santos (PMDB-RJ), defendeu a proposta, e frisou que, apesar de aumentar gastos, a medida é necessária porque o governo é responsável pelo bem-estar dessas pessoas. Para ela, seria irresponsável não atender as reivindicações. “Como a proposta tramita conclusivamente, e já foi aprovada pelo Senado, seguirá para sanção da presidência da República”, frisa a agência.

SAÚDE NA IMPRENSA
Ministério da Saúde – Ministério da Saúde faz balanço de PDP´s e anuncia novas parcerias

Ministério da Saúde – Ministério da Saúde aprova 25 novas parcerias para estimular produção de medicamentos essenciais ao SUS

Ministério da Saúde – Ministro da Saúde participa da inauguração de Centro de Especialidades de Maringá

Ministério da Saúde – Mais Médicos: 8 mil profissionais brasileiros inscritos no novo edital

Ministério da Saúde – Curso Micropolítica da Gestão e Trabalho em Saúde do SUS abre inscrições

ANS – ANS lança Manual de Diretrizes para o Enfrentamento da Obesidade

ANS – 479ª reunião da DICOL

Anvisa – Indústria farmacêutica movimenta R$ 63,5 bi em 2016

Anvisa – Genérico é medicamento mais comercializado

Anvisa – Medicamento para o coração está entre os mais vendidos

Anvisa – Suplemento alimentar terá regra mais simples e atual

Anvisa – Produção de próteses cranianas tem custo mais baixo

Anvisa – Cigarros terão novas imagens de advertência

CNS – MINISTÉRIO DA SAÚDE NÃO AUTORIZA CNS A SE MANIFESTAR EM REUNIÃO E MUDA POLÍTICA DE SAÚDE MENTAL

CNS – DEPUTADO BURLA PL CONTRA EAD NA GRADUAÇÃO EM SAÚDE E APROVA MUDANÇA

Fiocruz – Simpósio internacional discute inovação no setor farmacêutico

ALESP – Investigadoras de pesquisa da “pílula do câncer” são ouvidas em CPI

ALESP – Orçamento do Hospital Universitário da USP é debatido na Assembleia

ALESP – Apae e hospital de Monte Azul Paulista devem receber verbas

ALESP – Apoio contra o fechamento do Hospital Universitário da USP

Câmara dos Deputados – Câmara aprova novas regras para certificação de entidade beneficente

Câmara dos Deputados – CCJ aprova aumento de pensão para portador de Síndrome da Talidomida

Câmara dos Deputados – Especialistas afirmam que faltam políticas para implementar leis que garantem inclusão

Senado Federal – Pessoas com deficiência poderão ter curso de capacitação gratuito

Senado Federal – Cultivo de maconha para fins medicinais avança no Senado

Senado Federal – Doações a fundos para pessoas com deficiência poderão ser deduzidas do IR

Senado Federal – Elber Batalha presta homenagem ao Lions Clube e destaca trabalho de assistência social

Senado Federal – Senado aprova regulamentação de condutor de ambulância e de técnico em biblioteconomia

Correio Braziliense – População de obesos com plano de saúde sobe de 46,5% para 53,7% em 9 anos

Correio Braziliense – Medicamentos contra doenças cardiovasculares foram os mais vendidos em 2016

Folha de S.Paulo – Sob protestos, governo aprova política que dá aval a hospitais psiquiátricos

G1 – Colombianas cegas são treinadas para ajudar a detectar câncer de mama

G1 – Alta taxa de açúcar na gravidez aumenta risco de doença cardíaca em bebês, diz estudo

G1 – ‘É um erro trazer novos seres humanos ao mundo’: o polêmico pensamento antirreprodução do filósofo David Benatar

O Globo – O paciente deve participar da tomada de decisão sobre o cuidado com sua saúde

O Globo – Testes clínicos com terapia genética alcançam a cura da hemofilia

O Estado de S.Paulo – Governo reforça papel de hospital psiquiátrico

Valor Econômico – Receita dos laboratórios somou R$ 63,5 bi em 2016 

Valor Econômico – Saúde condiciona agenda presidencial 

No comments yet.

Leave a comment

Your email address will not be published.