PROIBIÇÃO DA PULVERIZAÇÃO AÉREA DE AGROTÓXICOS É DISCUTIDA EM REUNIÃO COM DEPUTADO ESTADUAL DE SÃO PAULO

//PROIBIÇÃO DA PULVERIZAÇÃO AÉREA DE AGROTÓXICOS É DISCUTIDA EM REUNIÃO COM DEPUTADO ESTADUAL DE SÃO PAULO

Representantes de entidades dos setores de apicultura, defensivos e aviação agrícola e da Defensoria Pública, se reuniram com o deputado Padre Afonso Lobato, na terça-feira (13), para mais uma rodada de discussões acerca do Projeto de Lei 405/2016, que propõe a proibição da pulverização aérea de agrotóxicos no Estado de São Paulo. Segundo o portal da ALESP, durante o encontro na Assembleia Legislativa, foram apresentadas algumas propostas iniciadas e desenvolvidas a partir de uma série de reuniões que vêm sendo realizadas visando o aperfeiçoamento da proposta, como o mapeamento georreferenciado das colmeias, das áreas de relevância ambiental ou social. “Várias ações estão sendo criadas em busca de soluções para o problema da mortandade de abelhas, causado pela pulverização aérea de agrotóxicos, o que representa um desastre ambiental”, disse o Deputado, conforme a reportagem produzida por sua assessoria de imprensa. Participaram da reunião representantes da Associação Paulista de Apicultores e Criadores de Abelhas Melificas Europeias (Apacame), União da Indústria de Cana de Açúcar (Unica), Sindicato Nacional das Empresas de Aviação Agrícola (Sindag), Sindicato Nacional da Indústria de Produtos para Defesa Vegetal (Sindiveg) e Defensoria Pública de São Paulo.

 

Governo regulamenta Renovabio

 

O Conselho Nacional de Política Energética terá até junho para definir as metas anuais de redução de emissões de gases de efeito estufa na comercialização de combustíveis para os próximos dez anos. De acordo com o MMA, a medida faz parte do decreto que regulamenta a RenovaBio, assinado nessa quarta-feira (14) pelo presidente Michel Temer. Construída em articulação com o setor privado e a sociedade civil, a RenovaBio é a primeira iniciativa alinhada às metas assumidas pelo Brasil no contexto do Acordo de Paris sobre mudança do clima. A meta do Brasil é considerada uma das mais ambiciosas e propõe a redução de 37% das emissões até 2025, com indicativo de cortar 43% até 2030. “A RenovaBio vai estimular uma economia com baixas emissões e, ao mesmo tempo, garantir a conservação ambiental e o desenvolvimento social no país”, afirma o texto.

 

Número de empregos recua no campo, mas salário médio sobe

 

O agronegócio tem gerado cada vez menos postos de trabalho no Brasil, mas a informalidade caiu nos últimos anos, o número de empregadores cresceu e a remuneração média no setor aumentou mais do que a média nacional. É o que informa o Valor Econômico. É o que aponta estudo recém-concluído da Fundação Getulio Vargas, a partir de dados do IBGE. “A incorporação de tecnologias, que tem impacto positivo sobre a produtividade, de fato tem provocado uma liberação de mão de obra no setor. Mas, além de ser inevitável, esse movimento não é necessariamente ruim, como mostra o comportamento dos salários”, afirmou um dos responsáveis pelo estudo, Felippe Serigati. No fim de 2017, a população ocupada no agronegócio somava 18 milhões de pessoas. Como em 2012 eram 19,7 milhões, nos últimos cinco anos a queda foi de 1,9% ao ano. “No quarto trimestre de 2017, a população ocupada formal no agronegócio somava 13,4 milhões de pessoas, enquanto a informal chegava a 4,4 milhões”, destaca a notícia.

 

Número de empregadores do agronegócio cresce

 

O número de empregadores no mundo formal do agronegócio cresceu, destaca Felippe Serigati, da Fundação Getulio Vargas. “Enquanto houve contração da população ocupada no setor, tanto formal quanto informal, houve expansão do número de empregadores”, afirma estudo recém-concluído da Fundação Getulio Vargas. Conforme o Valor Econômico, embora a tendência ainda seja de queda do número de postos de trabalho no agronegócio, o aumento da remuneração média no campo, ligado à redução do número de pessoas empregadas em funções de baixa qualificação e salários menores, tem tornado o setor mais atraente inclusive para profissionais mais qualificados. “O rendimento médio mensal recebido pela população ocupada no agronegócio continua sendo menor que no restante da economia brasileira, mas essa distância tem ficado cada vez menor. Enquanto entre 2012 e 2017 o rendimento médio na economia brasileira cresceu 4,6% ao ano, em média, no agronegócio a expansão foi de 7% ao ano. Entre os segmentos do agronegócio, merece destaque o forte aumento do rendimento médio nas atividades agropecuárias”, diz o estudo da FGV.

 

NA IMPRENSA

Mapa – Conferência no Japão ressaltou importância da tecnologia e de parcerias para a segurança alimentar

 

Mapa – Maggi distribui títulos de terra no MT em ação conjunta do Governo Federal

 

Mapa – No Espírito Santo Maggi percorre três municípios e assina acordo para fomentar fruticultura

 

MMA – Comitê de Gênero do MMA é retomado

 

MMA – Governo regulamenta Renovabio

 

MMA – Água Doce reúne gestores estaduais

 

MMA – Aviso de Pauta: Brasil sedia 3ª Reunião do Desafio de Bonn

 

MMA – Países discutem gestão das áreas úmidas

 

Embrapa – Dois tiros para controlar a broca-da-cana

 

Embrapa – Programa de Modernização da Cultura do Algodão no Ceará receberá investimento de R$ 1,8 milhão

 

Embrapa – Farinha de Cruzeiro do Sul é destaque no Congresso Nacional de Mandioca

 

Embrapa – Evento discutirá alternativas para aumentar produtividade de soja em Roraima

 

Embrapa – Afubra expõe tecnologias validadas pela cadeia produtiva de hortaliças

 

Embrapa – Expotec Embrapa 2018 começa com mais de 800 pessoas prestigiando

 

Embrapa – Gestão da água ainda é desafio no Brasil, Argentina e México

 

Embrapa – Embrapa abre inscrições para visitas escolares e da sociedade

 

Ibama – Programa de licenciamento que reassentou 95 famílias no MA recebe Prêmio Brasil Socioambiental

 

ALESP – Proibição da pulverização aérea de agrotóxicos

 

Câmara dos Deputados – Bancada do Nordeste pede MP para restabelecer renegociação de débitos de produtores rurais

 

Câmara dos Deputados – Projeto aumenta prazo para empresa obter habilitação definitiva em programa de leite

 

Estadão – ‘Não quero matar animais para fazer moda’, diz Donatella Versace

 

Estadão – Safra de soja deve se aproximar do recorde do último ano, prevê Rabobank

 

Estadão – Vamos acelerar o crescimento da economia brasileira?

 

Estadão – CCR fará nova oferta pela Invepar, dona do Aeroporto de Guarulhos

 

Folha de S.Paulo – Mara Gama – Grupo quer criar caminho verde para abelhas em SP

 

Folha de S.Paulo – Vaivém das Commodities – Do aço ao tomate, Trump ainda tem um longo caminho

 

Folha de S.Paulo – Recém-reaberto, zoológico de São Paulo completa 60 anos

 

G1 – Raio mata 103 bois e deixa prejuízo de R$ 130 mil a fazendeiro de Rondônia

 

G1 – Centro-Sul deve deixar de produzir até 5 milhões de toneladas de açúcar na safra 2018, diz diretor da Única

 

O Globo – Leite de ornitorrinco tem proteína que pode ajudar no combate a superbactérias

 

Valor Econômico – MPF quer cobrar JBS por prejuízos causados ao BNDES

 

Valor Econômico – Petrobras recua forte e empurra Ibovespa de volta aos 84 mil pontos

 

Valor Econômico – Grupo Votorantim sai de 2 negócios tradicionais no ano do centenário

 

Valor Econômico – O elevado ‘custo agrícola’ dos desastres naturais e das guerras

 

Valor Econômico – Número de empregos recua no campo, mas salário médio sobe

 

Valor Econômico – MPF deve acionar JBS por perdas do BNDES

 

Valor Econômico – União Europeia pretende suspender compras de carne de frango da BRF

 

Valor Econômico – Brasil consome 6 litros de água para cada R$ 1 produzido, mostra IBGE

 

Zero Hora – Novo foco de doença da Língua Azul amplia restrição à exportação de animais da região de Santa Maria para a Turquia

 

Zero Hora – Gisele Loeblein – Big data para construir o beef data

 

Zero Hora – Gisele Loeblein – Odacir Klein substituirá Ernani Polo na Secretaria da Agricultura do RS

 

Zero Hora – Centro vocacional oferece cursos gratuitos para diversificação da fumicultura

 

Zero Hora – Maior feira da agricultura familiar no país começa na próxima semana

 

Correio Braziliense – Versace vai parar de trabalhar com pelo de animais em suas roupas

 

Correio Braziliense – Três pessoas continuam internadas após contato com pesticida

 

Correio Braziliense – Após morte de Babu, ONG pede o fechamento do Zoológico na Justiça

 

____________________________________________________________________________

 

O Boletim NK, produzido pela NK Consultores Relações Governamentais, é uma compilação das principais notícias publicadas em meios de comunicação do país sobre temas ligados ao setor.

No comments yet.

Leave a comment

Your email address will not be published.