PLANOS DE SAÚDE DECIDEM APOIAR ARQUIVAMENTO DE PROJETO NA CÂMARA

// PLANOS DE SAÚDE DECIDEM APOIAR ARQUIVAMENTO DE PROJETO NA CÂMARA

Uma das principais entidades que representam os planos de saúde, a Associação Brasileira de Planos de Saúde, decidiu apoiar campanha pelo arquivamento do projeto que altera a atual lei dos planos e que tramita na Câmara dos Deputados. De acordo com a Folha de S.Paulo, organizações de defesa da saúde e do consumidor, que lideram a campanha, alegam que a proposta retrocede nos direitos dos usuários de planos de saúde e só atende aos interesses das operadoras. A proposta reúne cerca de 150 projetos sobre o tema, a maioria com pedidos de mais cobertura e direito aos usuários. “Por essa e outras razões, tanto a Associação quanto as entidades de saúde e do consumidor defendem a não necessidade de o projeto tramitar em regime de urgência, situação que impede debates mais aprofundados”, ressalta a nota.

Ministro da Saúde confirma risco de desabastecimento de medicamentos para doenças raras

O ministro da Saúde, Ricardo Barros, confirmou o risco de desabastecimento de medicamentos para pessoas portadoras de doenças raras, em encontro com deputados da Comissão de Seguridade Social e Família da Câmara. Segundo a Agência Câmara, Barros afirmou que o risco de desabastecimento ocorre por conta da judicialização da questão. Já o deputado Padre João (PT-MG) disse que muitas pessoas com doenças raras têm decisão judicial favorável a elas, e o ministério não acata a decisão. “O deputado citou ainda denúncias de que empresas de medicamentos não credenciadas pela Anvisa estão sendo favorecidas pelo ministério”, diz a notícia.

Pesquisadores defendem que existem cinco tipos de diabetes
Para um grupo de pesquisadores da Universidade de Lund, na Suécia, o problema do avanço da diabetes e a insuficiência nos tratamentos pode estar na classificação de distúrbio endocrinológico. Segundo os pesquisadores, a diabetes deveria ser dividida em cinco tipos ao invés de dois tipos. É o que informa o Correio Braziliense. O artigo publicado na revista The Lancet Diabetes & Endocrinology, baseia-se nos primeiros resultados do estudo Andis, que traz dados de 13.720 pacientes de diabetes da Suécia, com idade de 18 a 97 anos, que são monitorados desde o diagnóstico inicial da doença. Ao combinar medidas de resistência e secreção da insulina, níveis de açúcar no sangue e idade em que a condição se manifestou, a equipe de Groop chegou a cinco subtipos de diabetes. “Além da mudança na classificação, os pesquisadores sugerem novas abordagens de tratamento e predizem riscos de complicação para cada grupo”, frisa o texto.
Ministério da Saúde atualiza protocolos clínicos para hemangioma infantil e sobrecarga de ferro
Membros do Plenário da Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias do SUS aprovaram por unanimidade os Protocolos Clínicos e Diretrizes Terapêuticas atualizados para o tratamento das duas doenças, hemangioma infantil e sobrecarga de ferro. Conforme o portal Conitec, os Protocolos são usados para orientar os profissionais de saúde e gestores, além de servirem como documento que assegura os direitos dos usuários do SUS. “O hemangioma infantil é considerado um tumor vascular benigno, mais frequente nas crianças, provocado pela proliferação de vasos sanguíneos na pele; ainda não se sabe a causa da doença. Já a sobrecarga de ferro trata-se de uma condição em que há acúmulo de ferro no corpo da pessoa, levando-a desenvolver complicações no coração, fígado e órgãos endócrinos”, destaca parte da publicação
SAÚDE NA IMPRENSA
Ministério da Saúde – Defesa do SUS pauta debates na 1ª CNVS
____________________________________________________________________________
O Boletim NK, produzido pela NK Consultores Relações Governamentais, é uma compilação das principais notícias publicadas em meios de comunicação do país sobre temas ligados ao setor.

No comments yet.

Leave a comment

Your email address will not be published.