MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL APURA SE PROIBIÇÃO DE ANTICANCERÍGENO FAVORECEU EMPRESA BRASILEIRA

//MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL APURA SE PROIBIÇÃO DE ANTICANCERÍGENO FAVORECEU EMPRESA BRASILEIRA

O Ministério da Saúde, o Ministério Público Federal no DF e a Polícia Federal investigam um favorecimento e conflito de interesses que teria beneficiado a empresa laccino e McGrif, representante do laboratório alemão Bagó S.A. A suspeita é que a instituição tenha tentado favorecer-se de nota técnica elaborada em agosto de 2016 por Giselia Ferreira, à época coordenadora-geral da área de Componente Especializado da Assistência Farmacêutica do Ministério da Saúde. Giselia é casada com Álvaro Pereira Iaccino, dono da Iaccino e McGrif. De acordo com documentos obtidos pelo Metrópoles, as suspeitas ocorreram em março de 2017, quando uma denúncia divulgada na imprensa desqualificou o medicamento chinês L-asparaginase. De acordo a reportagem, as denúncias teriam sido levadas à imprensa pelo marido de Giselia, numa tentativa de influenciar a opinião púbica contra a substância produzida na China. A estratégia teria dado certo ao ter motivado o pedido do MPF à Justiça para suspender a importação do L-asparaginase.

Áreas técnicas, jurídicas e outras instituições são favoráveis aos produtos chinês e alemão

Ainda de acordo com o Metrópoles, um dos documentos que embasaram o pedido do MPF foi a nota técnica elaborada por Giselia. Segundo defendia no texto, o insumo asiático era falsificado e apresentava substâncias prejudiciais aos pacientes. Giselia também argumentava que o insumo não tinha licença nem mesmo do governo chinês. O medicamento acabou sendo autorizado pela pasta, depois de novas análises e investigação de uso em cinco países, entre eles a Índia e a própria China. O relatório de Giselia recomendava a compra do remédio fornecido pelo laboratório alemão Bagó. “Novos laudos sobre os medicamentos chinês e alemão foram solicitados às áreas técnicas e jurídica da pasta e também a outras instituições, segundo a documentação, como a USP e a Fiocruz. Todos foram favoráveis aos dois produtos”, diz a notícia.

Laboratórios se tornam parceiros da Embrapii em novos medicamentos

Os laboratórios farmacêuticos Aché e Eurofarma estão aderindo, como parceiros, ao consórcio formado pela Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial (Embrapii) e pelo CQMED/Unicamp, criado com a missão de desenvolver novos medicamentos anti-infecciosos e contra o câncer. É o que informa o Valor Econômico. O anúncio ocorre hoje em Campinas (SP), na sede da Universidade de Campinas (Unicamp).

Entenda a decisão sobre o uso do curativo de biocelulose no SUS

O Secretário de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos, por meio da Portaria nº 5, publicada no Diário Oficial em 25 de janeiro, decidiu que não será necessário criar um novo procedimento no SUS para oferecer aos pacientes o curativo de biocelulose. De acordo com o portal da Conitec, essa tecnologia funciona como uma película que absorve o fluido inflamatório, protegendo o ferimento em um tempo menor e com menor custo quando comparada aos outros recursos oferecidos para esse tipo de tratamento na rede pública. A utilização desse curativo já é possível dentro da gama de procedimentos curativos disponíveis no SUS. Veja aqui o Relatório Técnico com a recomendação da Conitec.​

SAÚDE NA IMPRENSA
ANS – RN sobre contratação de plano por empresário individual entra em vigor na segunda-feiraANS – ANS realiza a 7ª reunião do Grupo Técnico de Acreditação de Operadoras

Anvisa – Agência cria comissão de educação corporativa

Anvisa – Lote de peixe da marca Qualitá é proibido

Anvisa – Produtos irregulares são retirados de circulação

Anvisa – Confira alimentos proibidos de sexta-feira

Conitec – Entenda a decisão sobre o uso do curativo de biocelulose no SUS

Fiocruz – Epidemiologia crítica e determinação social da saúde são temas de curso na Fiocruz PE

Fiocruz – Inaugurada nova linha de produção da vacina de febre amarela

Fiocruz – Macacos são aliados da saúde na luta contra a febre amarela

Fiocruz – Agenda 2030: Fiocruz Brasília abre inscrição para curso de verão

Inca – Médica do INCA participa do podcast “No Mundo do Tabaco”

Câmara dos Deputados – Projeto susta regra da ANS sobre discordância de procedimentos entre médico e plano de saúde

Câmara dos Deputados – Projeto destina ao Fundo Nacional de Saúde recursos de impostos sobre medicamentos e tabaco

Senado Federal – Projeto proíbe fumar em automóveis

Correio Braziliense – Uso indevido de remédios foi responsável por 33% dos casos de intoxicação

Correio Braziliense – Para pesquisadora, ataque a macacos pode atrasar detecção da febre amarela

Correio Braziliense – Conheça a Dieta Mind, abordagem nutricional que pode combater o Alzheimer

Correio Braziliense – Cérebros de músicos reagem de forma distinta ao tocar a mesma canção

Folha de S.Paulo – Febre amarela deu sinais, e erros em série antecederam avanço da doença

Folha de S.Paulo – Marcelo Leite – Ministro errou feio ao anunciar fim do surto de febre amarela em 2017

Folha de S.Paulo – Brasileiros não temem a morte, mas a dependência, mostra Datafolha

Folha de S.Paulo – Cuidados com a saúde podem prevenir um terço das demências

Folha de S.Paulo – De obesidade a AVC, os problemas de saúde ligados a noites mal dormidas

Folha de S.Paulo – Julio Abramczyk – A propaganda na atividade das clínicas populares

G1 – Novas regras para plano de saúde de empresário individual entram em vigor

G1 – Especialista alerta para consumo excessivo e desregulado de melatonina no Brasil

G1 – A pílula que analisa as flatulências e detecta problemas no sistema digestivo

Metrópoles – MPF apura se proibição de anticancerígeno favoreceu empresa brasileira

O Estado de S.Paulo – Brasil deve dobrar oferta de vacina contra a febre amarela a partir de junho

O Estado de S.Paulo – Surto de febre amarela deixa 162 cidades de MG em estado de emergência

O Estado de S.Paulo – Região com vacinação fracionada registra casos suspeitos de febre amarela

O Estado de S.Paulo – Sobe para 134 número de casos de febre amarela no Estado de SP

O Estado de S.Paulo – Rio espera vacinar 600 mil pessoas em Dia D contra febre amarela

O Estado de S.Paulo – Bebê que nasceu com 340 gramas tem alta em São Paulo

O Globo – Aplicativos de saúde ganham espaço, e médicos dão dicas de como usar e em quais confiar

O Globo – Óculos que detectam glaucoma devem entrar no mercado em 2018

Zero Hora – Pesquisas mostram que probióticos podem ajudar a combater as cólicas dos bebês

Valor Econômico – Philips propõe mais parcerias com hospitais 

Valor Econômico – Laboratórios se tornam parceiros da Embrapii em novos medicamentos 

Valor Econômico – Cade aprova compra do Hospital Cruzeiro do Sul pela NotreDame

No comments yet.

Leave a comment

Your email address will not be published.