ESPECIALISTAS COMEMORAM NOVAS REGRAS PARA REPRODUÇÃO ASSISTIDA NO BRASIL

//ESPECIALISTAS COMEMORAM NOVAS REGRAS PARA REPRODUÇÃO ASSISTIDA NO BRASIL
Especialistas comemoraram as novas regras do Conselho Federal de Medicina (CFM) sobre as técnicas de reprodução assistida no Brasil. Entre as principais mudanças, estão a expansão nos critérios para a cessão temporária de útero para gestação compartilhada, a chamada “barriga solidária”; a redução do prazo para descarte de embriões; e o congelamento de material para uma gestação tardia, o que beneficia, por exemplo, pacientes em tratamento oncológico. É o que afirma o jornal O Globo. A nova resolução, elaborada pela Câmara Técnica de Reprodução Assistida, entrará em vigor nos próximos dias. O CFM destacou a inclusão de questões sociais na avaliação médica para a utilização de reprodução assistida. Segundo o jornal, uma das principais mudanças trazidas pela nova resolução nº 2.168/2017, com publicação prevista no Diário Oficial da União ainda esta semana, é a cessão temporária do útero por familiares em grau de parentesco consanguíneo descendente, como filhas e sobrinhas. Conforme as novas regras, pessoas solteiras também passam a ter o direito de utilizar esse recurso. “As alterações têm como objetivo ampliar a possibilidade de procriação de indivíduos que assim desejarem. A nova resolução permite ainda que pessoas sem problemas reprodutivos diagnosticados possam recorrer a técnicas disponíveis de reprodução assistida, como o congelamento de gametas, embriões e tecidos germinativos”, destaca a reportagem.

Pré-natal é essencial para o diagnóstico precoce de doenças raras

É importante saber que genético nem sempre é sinônimo de hereditário, ou seja, que passa de pai para filho ou será transmitido às gerações seguintes. Da mesma forma, é preciso distinguir as doenças hereditárias das congênitas. Certas desordens podem demorar décadas para apresentar sintomas. O portal da Fiocruz enfatiza que, por isso, os exames do pré-natal são essenciais para apontar eventuais problemas, oferecendo aos pais condições de enfrentar a situação precocemente, o que, na maioria das vezes, garante melhor qualidade de vida à criança. Mesmo que não exista nenhuma suspeita, os obstetras tendem a solicitar algumas avaliações de rotina, como as ecografias obstétricas. Durante esse exame, também se verifica a presença do osso nasal, cuja ausência é mais um indicador de anormalidade, e o fluxo no ducto venoso, que quando alterado pode ser indicativo de alterações no coração do feto. O resultado da translucência nucal pode ser combinado com o de um exame feito a partir de uma amostra de sangue da mãe, em que são dosadas duas substâncias, o BHCG livre e o PAPPA. “No entanto, é preciso ter em mente que o teste indica uma probabilidade, pois é passível de resultado falso-positivo e falso-negativo. Os únicos exames disponíveis para confirmar com segurança o diagnóstico de algumas doenças durante a gestação são a amniocentese, a cordocentese e a biópsia do vilocorial, cujo inconveniente comum é o fato de serem invasivos, representando risco, mesmo que pequeno, à gestação”, ressalta a publicação.

Bactérias resistentes a antibióticos estão associadas a recentes surtos de cólera, diz estudo

A “Science” publicou dois estudos com descobertas sobre os últimos surtos de cólera no mundo. De acordo com o site do G1, eles analisaram o genoma de cepas da Vibrio cholerae e verificaram a origem e a capacidade de resistência a medicamentos. Os achados podem evitar a ocorrência de uma nova pandemia já que a condição volta com força em regiões vulneráveis. No Iêmen, surto grave da doença ceifou a vida de milhares esse ano. Uma das descobertas que chamam a atenção é o fato de que todas as últimas cepas da bactéria Vibrio cholerae introduzidas na África desde 1980 são resistentes a antibióticos. A descoberta está em consonância com esforços globais para diminuir o uso de antibióticos no mundo. Os estudos analisaram dados do genoma de 1200 amostras de bactérias ligadas à cólera em todo o mundo. Em um dos estudos com foco na América Latina, também publicado na “Science”, cientistas analisaram 252 amostras da bactéria – e descobriram que 164 eram uma variedade de bactéria El Tor (7PET), ligadas a uma variante vinda do sul da Ásia. A cólera afeta 47 países e está associada à morte de 100 mil pessoas por ano. “No Brasil, entre 1991 e 2000, foram notificados 168.598 casos da doença e 2.035 óbitos. Entre 2001 e 2004, sete casos foram notificados. Não há registros oficiais recentes. Mesmo sem registro atual, o Ministério da Saúde considera que como há potencial endêmico no País, as ações de vigilância devem continuar presentes”, frisa o estudo.

Papa Francisco proíbe venda de cigarros no Vaticano

O papa Francisco ordenou a proibição da venda de cigarros na Cidade do Vaticano. Segundo ele, nenhum lucro pode ser legítimo se está custando a vida de pessoas. De acordo com o porta-voz do Vaticano, Greg Burke, o papa determinou que o Vaticano deixe de vender cigarros aos seus funcionários já a partir de 2018 pelo simples motivo de que “a Santa Sé não pode cooperar com uma prática que prejudica claramente a saúde das pessoas”. O Estadão destaca ainda que Vaticano afirma, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), que o tabaco causa mais de 7 milhões de mortes ao ano no mundo todo. Até agora, os empregados e aposentados do Vaticano podiam comprar os cigarros com desconto no supermercado que se encontra no Estado pontifício, o que representa uma fonte de receita para a Santa Sé. “No entanto, nenhum lucro pode ser legítimo se está custando a vida das pessoas”, segundo a opinião do pontífice que é usada como argumento pelo escritório de imprensa do Vaticano.

SAÚDE NA IMPRENSA
Ministério da Saúde – DSEI Alto Rio Juruá capacita trabalhadores sobre prevenção de doenças transmitidas por vetores

Ministério da Saúde – 299ª Reunião Ordinária do Conselho Nacional de Saúde

Ministério da Saúde – Congresso Brasileiro de Prevenção e Tratamento de Feridas recebe apoio da SGTES

Ministério da Saúde – Pacientes com Alzheimer contarão com novo medicamento no SUS

ANS – Encontro ANS Norte e Centro-Oeste: inscrições prorrogadas

Anvisa – Anvisa reitera razões para proibir aditivos em cigarros

Anvisa – Sistema de toxicologia será apresentado nesta segunda

Anvisa – Hora de ajudar na luta contra superbactérias

Anvisa – Superbactérias: de onde vêm, como vivem e se reproduzem

Fiocruz – Pré-natal é essencial para o diagnóstico precoce de doenças raras

Fiocruz – Agenda 2030: Fiocruz e ONU realizam consulta sobre inovação

Fiocruz – Ensp abre inscrições para o Curso de Especialização em Saúde Pública

Fiocruz – Fiocruz forma os primeiros mestres em Sistemas de Saúde de Moçambique

Inca – Tabagismo, Saúde Pública e Regulação

Inca – Deve o STF tratar a indústria do tabaco como qualquer outra?

ALESP – Audiência pública sobre Retinopatia Diabética

ALESP – Problema no atendimento de hemodiálise em Sorocaba

ALESP – Iamspe renova contrato com a Santa Casa de Presidente Prudente

Câmara dos Deputados – Comissão aprova tarifa social de energia elétrica para hospitais públicos e filantrópicos

Câmara dos Deputados – Câmara aprova política nacional para a busca de pessoas desaparecidas

Câmara dos Deputados – Comissão aprova emendas do Senado a projeto sobre atribuições de agentes de saúde

Senado Federal – Wellington Fagundes informa que bancada matogrossense reservou recursos para a área de saúde

Senado Federal – Sancionada lei que institui dezembro como o mês de enfrentamento à Aids

Correio Braziliense – Estudo relaciona uso de maconha a jovens ansiosos

Correio Braziliense – Risco de recorrência de câncer de mama persiste por 20 anos após tratamento

Correio Braziliense – Estresse dificulta funcionamento do cérebro, mostra estudo

Folha de S.Paulo – Ainda precisamos de agrotóxicos, diz associação agropecuária

G1 – Bactérias resistentes a antibióticos estão associadas a recentes surtos de cólera, diz estudo

G1 – Menino com ‘pele de borboleta’ é salvo por transplante de órgão geneticamente modificado

G1 – Os sintomas muitas vezes ignorados da pneumonia, a doença que mais mata crianças com menos de cinco anos

O Globo – Consumo regular de álcool mata células-tronco cerebrais que produzem novos neurônios

O Globo – Especialistas comemoram novas regras para reprodução assistida no Brasil

O Globo – Droga tradicional da Amazônia pode tratar alcoolismo e depressão

O Estado de S.Paulo – Conselho altera regras e libera filhas e sobrinhas como barriga de aluguel

O Estado de S.Paulo – STF julga proibição de venda de cigarros com aroma e sabor

O Estado de S.Paulo – Papa Francisco proíbe venda de cigarros no Vaticano

O Estado de S.Paulo – ‘Até a coleta dos óvulos, foi quase um ano de preparativos’

O Estado de S.Paulo – Grupo quer criar lar coletivo em SP para idosos envelhecerem juntos

O Estado de S.Paulo – Secretário não comparece a convocações para se explicar sobre transparência

No comments yet.

Leave a comment

Your email address will not be published.